Celular
Publicidade

Por Willian Rodrigues, para o TechTudo

Divulgação/Nokia

O clássico Nokia 6310 ganhou uma nova versão para comemorar os vinte anos de lançamento do celular no Reino Unido. Popularmente conhecido como "tijolão" no Brasil, o aparelho repete características que o tornaram um sucesso de vendas, como a resistência e a capacidade da bateria, que agora chega a até 21 dias de duração.

Além disso, na nova versão do aparelho – que agora é assinada pela HDM Global, atual dona da Nokia –, também está presente outro item que tornou o "tijolão" um clássico: o tradicional "jogo da cobrinha". Tela de 2,4 polegadas, rádio AM, MP3 player e câmera de 0.3 MP com flash são outras características presentes na ficha técnica da releitura do feature phone.

Snake, o "jogo da cobrinha", é um dos diferenciais da nova versão do Nokia 6310, o "tijolão" — Foto: Divulgação/Nokia

Uma das características mais marcantes do novo Nokia 6310 é a bateria de 1.150 mAh que, de acordo com a HDM Global, pode durar por até 21 dias com o aparelho em modo stand by. No entanto, caso o usuário utilize muito o telefone, esse número pode diminuir consideravelmente, já que o dispositivo aguenta pouco mais de 19 horas de conversação, de acordo com a fabricante.

Em relação ao modelo anterior, uma das diferenças está na tela de 2,4 polegadas, que agora é colorida e curva. Apesar disso, assim como na versão original, o display não possui sensibilidade ao toque, seguindo a linha dos demais feature phones lançados pela marca. No que se refere à memória, são 8 MB de armazenamento interno e 16 MB de RAM.

Os feature phones são celulares com estilo retrô que oferecem menos recursos que os smartphones e voltaram a se tornar populares nos últimos tempos. Exemplo disso são os diversos telefones da Nokia que têm sido relançados pela HDM Global, como o Nokia 8110, conhecido como "celular banana", e agora o 6310 "tijolão".

O Nokia 6310 é vendido atualmente no Reino Unido por 60 libras (cerca de R$ 450 em conversão direta e sem impostos). Segundo a HMD Global, o aparelho chegará apenas para mercados selecionados. As cores disponíveis são: verde escuro, amarelo, preto e azul claro (apenas na Índia). Até o momento, não há previsão de chegada ao Brasil.

Nokia 6310 original

Nokia 6310 original ao lado da nova versão do "tijolão" — Foto: Divulgação/HMD Global

Lançado em 2001, o Nokia 6310 original foi objeto de desejo de um grande número de consumidores, que lembram com nostalgia do aparelho. O telefone permitia customização dos toques monofônicos e personalização da carcaça do celular, ao trocar a frente do telefone. Além disso, o aparelho ganhou uma versão melhorada, que contava com teclado retroiluminado e melhor conectividade – o Nokia 6310i.

O grande diferencial do aparelho era sua durabilidade em todos os sentidos. A bateria de 1.050 mAh permitia ao aparelho permanecer em stand by por mais de duas semanas em uma época em que não existiam telas de alta resolução ou conectividade com a internet por 24 horas. O celular foi descontinuado em 2005.

Com informações de HMD Global, GSM Arena, DailyMail e Mirror.

Mais do TechTudo