Jogos de ação

Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


Battlefield 2042 teve um lançamento conturbado em 19 de novembro e rapidamente se tornou alvo de críticas negativas na loja digital Steam. Apesar disso, a produtora DICE e a Electronic Arts anunciaram grandes atualizações para consertar alguns de seus problemas. A primeira foi lançada pouco após a chegada do game e a segunda chegará nesta quinta-feira (25), trazendo ajustes no funcionamento de armas e em veículos como Hovercraft e Nightbird.

Novos updates estão previstos para o início de dezembro e mais uma antes do final do ano. Battlefield 2042 está disponível por R$ 249,90 no PC, R$ 299 no PlayStation 4 (PS4) e Xbox One e por R$ 339 em versões para PS5 ou Xbox Series X/S.

Battlefield 2042 receberá grandes atualizações para consertar seus bugs com ajustes em armas e veículos — Foto: Reprodução/Steam

A produtora DICE publicou um extenso post no qual reconheceu problemas do jogo e se mostrou ciente de que usuários querem algumas funções de capítulos anteriores da franquia de volta, como placar no fim da partida, navegador de servidores e chat de voz.

A segunda atualização focará em alguns pontos específicos, como a jogabilidade com armas e equilíbrio de veículos. O LCAA Hovercraft terá armas e blindagem mais fracas, pois estava muito poderoso, enquanto a minigun do MD540 Nightbird terá um dano de área menor. O UAV-1 de Battlefield: Bad Company 2 também voltará ao game após ter sido removido para ajustes.

Um dos defeitos que mais incomodou jogadores é o que a DICE chama de "Spread" (usuários batizaram de "Bloom" ou "Deviation"). Esse é um desvio severo dos projéteis que não são disparados no ponto no qual o usuário mirou. Para corrigir esse efeito, a produtora aumentou a precisão para muitas armas, especialmente para quando o jogador mirar com zoom ou parado. Tiros únicos ou em rajadas espaçadas também terão maior precisão.

Tiros à distância mostram um desvio grande em relação à posição da mira; DICE vai resolver o problema com update ainda em 2021 — Foto: Reprodução/Yuri Hildebrand

Alguns bugs graves a respeito da ressuscitação de soldados abatidos também foram consertados, como um erro no qual não era possível ressuscitar um jogador quando ele tivesse morrido perto de certos objetos ou paredes. Alguns bugs que prendiam o jogador em um estado abatido permanentemente também foram consertados. A produtora anunciou ainda que tem tentado realizar melhorias na performance do game, que tem tido dificuldades para rodar mesmo em PCs potentes.

Battlefield 2042 recebeu mais de 38 mil avaliações negativas no site Steam e chegou a ficar entre os 10 jogos mais mal avaliados da loja digital. Apenas recentemente o game saiu da lista e se encontra na 12ª posição. Algumas das maiores reclamações de usuários são a respeito de problemas técnicos, baixa performance e falta de conteúdo no jogo.

MELHORES LANÇAMENTOS DE JOGOS DE TIRO EM 2021!

MELHORES LANÇAMENTOS DE JOGOS DE TIRO EM 2021!

Mais do TechTudo