Por Yuri Hildebrand

Divulgação/Lenovo

Yoga Slim 9i é um notebook premium da Lenovo que traz boas especificações e bastante estilo. Seu visual traz, por exemplo, material que simula couro no acabamento da tampa, dando um ar elegante ao modelo, que segue perfil ultrafino. No hardware, vale destacar o Core i7 de 11ª geração da Intel e os 16 GB de RAM. O aparelho recebeu o título de Notebook do Ano pelo voto popular no Prêmio Melhores do Ano 2021 do TechTudo.

O computador funciona bem para atividades do dia a dia e trabalhos de produtividade, mas as poucas interfaces e alguns outros aspectos deixam o Yoga Slim 9i pouco funcional em alguns momentos. No momento, há poucas lojas oferecendo o notebook, lançado em abril por R$ 16.599. O TechTudo testou o laptop e traz mais detalhes do modelo a seguir, assim como seus pontos positivos e negativos.

Lenovo Yoga Slim 9i tem visual elegante, mas peca em alguns detalhes; veja impressões — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Design bonito, mas pouco funcional

O Yoga Slim 9i é um notebook que prioriza a estética. Vale ressaltar que não há problema nisso: muitos modelos de mesmo perfil deixam de lado interfaces e saídas de ar para diminuir a carcaça do laptop, entregando um modelo mais fino e leve. Mas, para trabalhar, por exemplo, características como essa podem atrapalhar (ou pelo menos incomodar) o usuário.

Durante nossos testes a falta de portas USB do tipo A foi um problema, mesmo que pudesse ser contornado com um adaptador. Caso você precise carregar o dispositivo, usar um mouse sem fio e conectar um monitor extra, por exemplo, não será possível utilizar um pen drive para transferir dados sem desconectar algum desses.

São poucas interfaces disponíveis, com três portas USB-C; trabalhar com tela, mouse e carregador plugado impede uso de pen drive, por exemplo — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Outro ponto que não agradou muito foi o trackpad, que tem pouco destaque da parte de apoio para os pulsos. O computador traz acabamento todo em vidro nessa região, com uma faixa única e sem muita distinção na área de contato para controlar o ponteiro. Também não há botões, sendo necessário pressionar a superfície no lugar correto. No dia a dia, esse aspecto atrapalhou o trabalho em alguns momentos.

São características que pesam para quem pretende gastar com um modelo para uso profissional e não liga muito para a parte estética. Ainda assim, a atenção a detalhes como a tampa revestida de material que simula couro e o apoio das mãos em vidro é algo a se destacar, já que é um dos laptops mais bonitos nessa faixa de preço e nível de hardware. Além disso, é um dispositivo leve, com 1,2 kg e tamanho que permite ser transportado em praticamente qualquer pasta ou mochila.

Base de apoio para as mãos se mistura ao trackpad; proposta atrapalha um pouco no dia a dia — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Tela e som

O Yoga Slim 9i tem tela de 14 polegadas com resolução Full HD. A exibição é boa o suficiente para sua proposta de uso, apesar de não entregar a mesma qualidade de alguns rivais no mercado, como o Vaio Z e o Dell XPS 13, por exemplo. Ainda assim, trazendo recursos como Dolby Vision e um design com bordas finas, o computador passa a sensação de imersão não só para leitura ou edição, mas também para assistir a filmes e séries.

Somado a isso está o som, que tem Dolby Atmos e 4 Watts RMS de potência. O número não é muito alto, mas surpreendeu na hora de reproduzir músicas ou mesmo realizar reuniões de vídeo sem fone de ouvido, agradando em volume e qualidade.

Tela é sensível ao toque e traz resolução Full HD; exibição de qualidade agrada — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Hardware poderoso

Nas especificações, o laptop vem com um conjunto interessante para um ultrafino: processador Core i7 1165G7, de 11ª geração da Intel, 16 GB de RAM e 512 GB de armazenamento em SSD. Na prática, isso significa um modelo rápido e com poucos travamentos, mesmo que você precise baixar arquivos, assistir a vídeos, participar de reuniões e ficar com muitas abas abertas no Chrome, por exemplo. Trabalhos de edição mais simples também funcionam sem problemas, sendo possível mexer em fotos no Photoshop ou mesmo em vídeos no Premiere, por exemplo.

Vale ressaltar que o Yoga Slim 9i traz a plataforma Intel Evo em torno do chip Core i7 1165G7, cuja placa de vídeo integrada é uma Iris Xe. Essa solução pode ser capaz mesmo de rodar jogos competitivos como CS:GO e Valorant, mas sem um FPS tão alto. O SSD instalado também reforça a fluidez do sistema (aqui, o Windows 10), proporcionando uma boa experiência em diferentes tipos de uso. Essa resposta rápida também está ligada aos 16 GB de memória, número que tem se tornado um padrão em computadores top de linha.

Lenovo Yoga Slim 9i traz plataforma Intel Evo, com processador Core i7 de 11ª geração — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Recursos, conectividade e bateria

O notebook premium da Lenovo também traz recursos interessantes para o dia a dia, seguindo a pegada premium que se vê no hardware. É possível utilizar o sensor IR da câmera para desbloquear o sistema de forma rápida, assim como registrar sua digital para liberar o acesso.

Um ponto interessante é o bloqueio automático ao sair da frente do laptop, que apaga a tela rapidamente. Quando volta, o usuário vê a tela ligando sozinha e buscando seu rosto para voltar de onde parou. Outros modelos têm funcionalidade parecida, mas, durante os testes, o recurso funcionou muito bem no Yoga Slim 9i. Também é possível abrir e fechar a câmera a partir de um botão, o que garante ainda mais privacidade.

Vale destacar ainda a presença de Wi-Fi 6, que promete velocidades até três vezes maiores em relação ao padrão anterior. Esse é um diferencial importante, mas o usuário precisa ter um roteador compatível disponível para aproveitar. Ainda considerando conectividade sem fio, o Bluetooth 5.1 também está presente, versão mais recente que garante uma conexão estável com fones, mouse sem fio, entre outros acessórios.

Tela pode desligar sozinha quando o usuário sai da frente do computador; inicialização do sistema se dá via reconhecimento facial — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Na bateria, a expectativa é por 20 horas de uso, mas, durante nossos testes, a duração foi de, no máximo, 11 horas. É importante ressaltar que a estimativa da fabricante é relativa, e considera "condições normais de uso". A unidade avaliada pelo TechTudo realizou diversas tarefas ao mesmo tempo, com downloads, muitas abas abertas no Chrome, vídeos rodando e ligações de vídeo (com fone e mouse conectados via Bluetooth). Portanto, para tarefas básicas do dia a dia, o computador deve chegar às 20 horas sugeridas (ou perto disso, pelo menos).

Preço, disponibilidade e concorrentes

O Lenovo Yoga Slim 9i não aparece em muitas ofertas no Brasil. O computador, que chegou por aqui a R$ 16.599, teve uma queda de preço e ficou disponível por R$ 14.999 durante algum tempo, segundo o Compare TechTudo. Apesar disso, o estoque do notebook acabou nas principais lojas do país, e pode ser difícil achar o modelo por aqui.

O usuário que busca um modelo nesse mesmo perfil pode encontrar no Dell XPS 13 e no Vaio Z duas alternativas interessantes. O primeiro tem proposta mais parecida, com 16 GB de RAM, Core i7 um pouco superior e tela sensível ao toque, saindo a R$ 11.999. Há uma versão mais em conta, mas sem touchscreen e com resolução Full HD+, custando R$ 10.999. As duas já vêm com Windows 11.

Acabamento elegante do notebook é um dos pontos altos — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

O Vaio Z também vem com um Core i7 de 11ª geração, mas da linha H, voltada para ultrafinos. Além disso, são 32 GB de RAM e 2 TB de armazenamento em SSD, saindo a preços a partir de R$ 21.599. É uma opção mais robusta, mas que mostrou desempenho de qualidade durante nossos testes.

Conclusão

Lenovo Yoga Slim 9i tem pegada premium, visual muito bonito e hardware suficiente para trabalhos de produtividade ou mesmo edições mais simples. Há alguns pontos que incomodam, como a disposição do trackpad e a pouca oferta de entradas, mas o computador traz desempenho interessante e não deve decepcionar no dia a dia.

A portabilidade é uma das características mais relevantes, além dos recursos de segurança, que impedem a visualização do conteúdo da tela por outras pessoas caso o usuário não esteja à frente da tela. Apesar disso, o laptop pode ser pouco funcional em alguns momentos, evidenciando o foco na parte estética.

Lenovo Yoga Slim 9i dá preferência para a estética, mas hardware e tela também se destacam — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Para quem busca um modelo fácil de transportar e com bom desempenho para redação, estudo, apresentações e outras atividades do tipo, o Lenovo Yoga Slim 9i promete ser uma boa pedida. Mas, vale ressaltar: o computador vai ganhar muito se tiver um hub com mais entradas USB disponível.

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

Mais do TechTudo