Celulares

Por Isabele Scavassa, para o TechTudo

Thássius Veloso/TechTudo

O Galaxy S10 chegou ao mercado em 2019, mas continua chamando a atenção do consumidor brasileiro, quase três anos depois do lançamento. O smartphone da Samsung ainda é objeto de desejo do público, mesmo após a chegada do Galaxy S21. Confira a seguir todos os detalhes do celular.

O modelo topo de linha desembarcou no Brasil pelo preço sugerido de R$ 4.999. Hoje em dia é encontrado por aproximadamente R$ 3.000 no varejo online, uma queda de R$ 2.000. O S10 trouxe novidades que aparecem até hoje em produtos da fabricante sul-coreana, como painel AMOLED Dinâmico e câmera tripla.

Galaxy S10 apresenta câmera tripla no conjunto fotográfico — Foto: Divulgação/Samsung

PONTOS POSITIVOS

1. Tela em AMOLED Dinâmico

A tela do Galaxy S10 é um dos pontos que se destacam no aparelho, tanto pelo design quanto pelas especificações. A Samsung destina 6,1 polegadas para o telefone, bem como uma resolução em Quad HD+ para exibir os conteúdos no painel. Além dos 3040 x 1440 pixels do display, o S10 também traz a tecnologia AMOLED Dinâmico, que tende a conferir cores com maior contraste e dispõe de suporte ao HDR.

Galaxy S10 tem tela Quad HD+ de 6,1 polegadas — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

2. PowerShare para carregamento sem fio

O PowerShare é um sistema de carregamento sem fio que acompanha a família do Galaxy S10. Por meio dele é possível recarregar outros aparelhos com a energia do S10, que é transmitida por indução. A tecnologia permite carregar desde celulares até wearables, desde que eles sejam compatíveis com a modalidade. A ativação da função é descomplicada e pode ser feita pela barra de notificações, seguida do pareamento do dispositivo com a parte de trás do celular.

Galaxy S10 tem suporte ao carregamento sem fio — Foto: Divulgação/Samsung

3. Resistência à água

A estrutura do smartphone conta com resistência à água e poeira conferida pela certificação IP68, que permite o mergulho do telefone a uma profundidade de até 1,5 metro por 30 minutos. Essa especificação coloca o S10 no mesmo patamar de modelos mais novos, como o iPhone 13 e o Galaxy S21, que também incluem a proteção.

Outro componente presente na estrutura do smartphone que deve destacá-lo em termos de resistência é o revestimento pelo Gorilla Glass 6, da Corning. O vidro é usado apenas na parte frontal, mas deve garantir maior proteção contra riscos e arranhões na tela.

4. Câmera

O conjunto fotográfico do Galaxy S10 ganha lentes a mais em comparação com o S9 e amplia a possibilidade de registros com as câmeras. No S10, o arranjo entrega uma câmera principal e uma teleobjetiva, ambas com 12 MP, e uma ultra wide, dessa vez com 16 MP. A câmera do telefone garante recursos como estabilizador de imagem, foco automático e zoom digital de até 10 vezes. Além disso, o S10 é capaz de gravar vídeos em 4K a 60 fps.

Galaxy S10 grava vídeo em 4K — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Mesmo que perca para sucessores como o S20 ou o S21 em alguns aspectos, ele ainda é capaz de entregar capturas variadas e ferramentas para otimizar as fotos. De forma detalhada, a única lente que se altera consideravelmente entre os três modelos (S10, S20 e S21) é a teleobjetiva, que salta para 64 MP nos celulares mais recentes. Entretanto, os outros sensores continuam o mesmo, até na câmera de selfies, que se mantém até hoje com 10 MP.

5. Design atualizado

Design do Galaxy S10 tem bordas diminutas e curvas — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

A família Galaxy S10 foi uma das primeiras a trazer o furo na tela nos modelos da Samsung. Investir neste tipo de painel foi uma forma encontrada pela fabricante de remover os entalhes presentes no display, de modo a conferir menos interferência no painel. Com uma moldura livre e com bordas arredondadas, a visualização da tela tende a entregar uma experiência imersiva.

PONTOS NEGATIVOS

1. Capacidade da bateria

Esse é um dos aspectos que podem soar como desvantagem, visto que os 3.400 mAh do S10 podem deixar a desejar quando comparados com as capacidades de bateria oferecidas pelos celulares de hoje. Já é possível, inclusive, encontrar modelos básicos com 5.000 mAh nesse aspecto. O sucessor Galaxy S20, com 4.500 mAh, é um exemplo de aparelho que deve garantir um tempo a mais longe das tomadas.

Bateria de 3.400 mAh do Galaxy S10 deve proporcionar um dia de uso — Foto: Divulgação/Amazon

Entretanto, é preciso considerar que do S9 para o S10 teve um aumento de 400 mAh, o que garantiu um tempo maior de autonomia. No modelo de 2019, é possível passar 18 horas ininterruptas assistindo vídeos ou 14 horas navegando na internet, de acordo com a fabricante.

2. Atualização do sistema

O Galaxy S10 é um lançamento de 2019 e o sistema que acompanha as configurações de fábrica do celular é o Android 9. Apesar de trazer uma versão mais antiga, ele deve atualizar para o Android 12 até março de 2022, segundo a Samsung. A fabricante tem implementado uma política de atualizações prolongadas para seus telefones, principalmente entre os lançamentos mais recentes.

Mesmo com vários updates garantidos, esse deve ser o último. Por isso, pode ser uma desvantagem quando comparado com modelos mais novos que terão atualizações garantidas por mais tempo nos próximos anos.

Mudança na tela inicial do Android 12 traz visual renovado e deve chegar ao S10 — Foto: Divulgação/Google

3. Sem 5G

Internet 5G deve chegar no primeiro semestre de 2022 ao Brasil — Foto: SOPA Images/Getty Images

O Galaxy S10 opera com a rede 4G LTE, o que pode ser uma desvantagem para quem procura um modelo apto para o 5G, mesmo que ele ainda não tenha sido implementado de fato no país. Atualmente, o país disponibiliza acesso ao 5G DSS, uma versão que não atinge a velocidade total e atende apenas alguns locais por enquanto. Vale lembrar que existe uma outra versão do celular, o S10 5G, que possibilita acesso à internet de altíssima velocidade.

Ficha técnica do Galaxy S10

  • Lançamento: fevereiro de 2019
  • Preço de lançamento: R$ 4.999
  • Preço atual: R$ 3.000
  • Tela: 6,1 polegadas
  • Resolução da tela: Quad HD+ (3040 x 144)
  • Processador: Exynos 9820
  • Memória RAM: 8 GB
  • Armazenamento: 128 GB
  • Cartão de memória: sim, microSD de até 512 GB
  • Câmera traseira: tripla, 12, 12 e 16 MP
  • Câmera frontal: 10 MP
  • Bateria: 3.400 mAh
  • Sistema: Android 9 Pie
  • Dimensões e peso: 149,9 x 70,4 x 7,8 mm; 157 g
  • Cores disponíveis: azul, preto e branco

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

Mais do TechTudo