Celulares

Por Pedro Cardoso, para o TechTudo

Artyom Geodakyan/Getty Images

O iPhone 14 Pro deve chegar ao mercado somente no fim do ano e, ao que tudo indica, a Apple planeja turbinar a tecnologia de câmera do celular. A futura geração teria sensor de 48 megapixels, quatro vezes mais potente do que o visto hoje em dia no iPhone 13 Pro.

A informação foi levantada pela empresa de pesquisas TrendForce e endossada pelo analista de mercado Ming-Chi Kuo, que tem histórico de acertar previsões. De acordo com as duas fontes, é esperado também que o iPhone 14 Pro consiga até gravar vídeos em qualidade 8K.

Suposto iPhone 14 pode ter câmera em forma de pílula — Foto: Reprodução/GizChina

Por enquanto não se sabe de que forma a Apple aumentaria a quantidade de megapixels sem mexer no tamanho físico do sensor de imagem. Hoje em dia existem no mercado smartphones capazes de fotos com maior resolução, mas há inúmeros questionamentos sobre o real benefício deste atributo para o resultado final das imagens.

De acordo com Kuo, em rumores anteriores, a Apple estaria trabalhando no recurso “pixel binning” para o seu próximo smartphone. Com este método, o aparelho poderia mesclar os dados de vários pixels menores para criar um maior e, assim, melhorar a sensibilidade na captura de luz. Rivais como Motorola, Samsung e Xiaomi utilizam a técnica em seus modelos.

Caso este cenário se torne realidade, o iPhone 14 Pro poderia registrar boas fotos de 48 MP em condições de muita luz e 12 MP em cenários com pouca luminosidade, para manter a mesma qualidade final. Vale lembrar, porém, que a Apple não confirmou e nem negou qualquer uma dessas especulações.

Outro rumor recente indica que o iPhone 14 Pro deve abandonar o polêmico notch, muito odiado por diversos fãs, e adotar uma câmera frontal em forma de pílula. Toda a linha da Apple deve ser renovada num evento esperado para setembro de 2022.

Com informações de MacRumors

Mais do TechTudo