Redes sociais

Por Raquel Freire, para o TechTudo


O LinkedIn terá salas de bate-papo em áudio em sua plataforma. A informação foi revelada por Jake Poses, gerente de produto da empresa, em entrevista ao site TechCrunch. O novo recurso, cuja dinâmica é semelhante à do aplicativo Clubhouse, será lançado em versão beta ainda em janeiro e promete facilitar a realização de palestras, entrevistas e reuniões de negócios online.

A nova plataforma dedicada a eventos online também vai ganhar uma versão de chats em vídeo, prevista para ser lançada na primavera — nos Estados Unidos, a estação ocorre de março a junho. As imagens divulgadas pelo LinkedIn mostram o recurso apenas na versão desktop, mas acredita-se que os recursos também chegarão ao aplicativo da rede social, disponível para celulares Android e iPhone (iOS).

LinkedIn anuncia salas de bate-papo em áudio no estilo Clubhouse — Foto: Aline Batista/TechTudo

LinkedIn: como configurar meu perfil? Participe no Fórum do TechTudo

O objetivo da ferramenta é facilitar a realização de palestras, entrevistas, mesas redondas virtuais e outras reuniões englobadas pelo universo profissional. As salas terão recursos de interatividade, permitindo que todos os participantes se comuniquem uns com os outros tanto durante quanto após os eventos.

Os anfitriões contarão com ferramentas de moderação, podendo dar um tom mais formal ou descontraído aos encontros virtuais. A expectativa do LinkedIn é que os criadores de conteúdo da plataforma abram salas de bate-papo em seus perfis. Futuramente, a empresa também espera que grandes organizações utilizem o recurso para hospedar eventos online.

Até junho, LinkedIn também vai lançar recurso de bate-papo em vídeo — Foto: Divulgação/LinkedIn

Por ora, a função será lançada como um serviço gratuito, sem possibilidade de cobrar tickets pelos eventos. Porém, é bastante provável que isso mude no futuro. De acordo com a reportagem do TechCrunch, o próprio Clubhouse está avaliando alternativas para permitir que os criadores monetizem seus trabalhos, incluindo eventos com ingressos pagos.

Ao que tudo indica, o LinkedIn está trabalhando na funcionalidade desde março de 2021, motivado pelo sucesso do Clubhouse, que ganhou muitos usuários durante a pandemia. Antes mesmo do isolamento social, em 2019, a companhia havia lançado o LinkedIn Events, plataforma que cresceu 150% no último ano.

Esta não é a primeira vez que uma empresa aposta nos chats de voz com a expectativa de repetir o sucesso da rede social de áudio: em 2021, o Spotify lançou o app Greenroom, e o Twitter, a seção "Spaces".

Com informações de TechCrunch (1 e 2)

Veja também: apresentação do novo fórum TechTudo

Apresentação do novo fórum TechTudo

Apresentação do novo fórum TechTudo

Mais do TechTudo