Caixas de som
Publicidade

Por Lucas Santos, para o TechTudo

Divulgação/JBL

A Harman divulgou nesta terça-feira (8) que registrou a apreensão de mais de 250 mil produtos falsificados em 2021, com destaque principalmente para as caixas de som portáteis e os fones de ouvido das marcas JBL e Harman Kardon. Segundo a empresa, no ano passado foram realizadas mais de 40 operações da Receita Federal com apreensão de mercadorias em todo o país.

A lista de itens falsificados apreendidos registra 63% de caixas de som portáteis, 29% de rótulos com réplicas das logomarcas e 8% de fones de ouvido. A Harman também informou que "mantém uma atenção especial com lojas online e outros varejistas", com o objetivo de vetar anúncios de vendas com modelos falsificados que contenham as marcas da empresa.

8% dos produtos apreendidos são fones de ouvido — Foto: Nathalia Duarte/TechTudo

Conforme nota divulgada à imprensa, a Harman define que há dois perfis de consumidores dos produtos falsificados. O primeiro grupo de clientes é formado por pessoas que não reconhecem que o item se trata de uma réplica. Por outro lado, a empresa também afirma que há uma parcela de consumidores que "busca conscientemente a pirataria".

O consumo de mercadorias piratas, como caixas de som e fones de ouvido, pode representar um perigo à vida do consumidor. Isso porque, segundo a empresa, esses itens podem eventualmente colocar em risco os usuários com baterias de baixa qualidade, que poderiam até mesmo causar um incêndio.

A empresa indica que os consumidores consultem os produtos originais no site da JBL — Foto: Marlon Câmara/TechTudo

A Harman indica que é possível identificar pelo portfólio da empresa nos sites de suas marcas se o produto é original ou não. De acordo com a fabricante, há situações em que são comercializados modelos com nomes que sequer existem nos registros da empresa. Outro fator para ter atenção é em relação ao preço abaixo do que é praticado no mercado regular.

É possível ter acesso a uma série de informações sobre como saber a procedência de um artigo JBL através da página "Compre Original", disponível no site da empresa. Por lá, os consumidores encontram mais dicas para comprar um item original e seguro. Também é possível saber a procedência dos produtos procurando a lista de homologação da Anatel, que registra itens originais e assegura ao consumidor que os materiais não vão apresentar riscos físicos aos usuários.

Mais do TechTudo