Redes sociais
Publicidade

Por Ana Letícia Loubak, do Home Office


Um novo golpe no WhatsApp usa uma suposta promoção da Coca-Cola para fazer vítimas. A promoção falsa diz que a marca de bebidas está dando um frigobar exclusivo às pessoas que acessarem um link e responderem a um questionário. Segundo a mensagem que acompanha a URL infectada, a empresa estaria presenteando os clientes em decorrência da Semana do Consumidor 2022, que começa nesta segunda-feira (14).

Dados do Google Trends, ferramenta que monitora pesquisas em alta no Google, mostram que o interesse por termos relacionados ao golpe surgiu na última sexta-feira (11) e atingiu seu ápice às 22 horas de domingo (13), véspera da Semana do Consumidor. Consultas como "frigobar coca cola fake" e "frigobar coca cola golpe" registraram aumento repentino, o que aponta para a desconfiança dos usuários em relação à mensagem. Procurada pelo TechTudo, a Coca-Cola confirmou que a promoção não existe (veja posicionamento da empresa na íntegra ao final da matéria).

Coca-Cola dando frigobar na Semana do Consumidor? Promoção que circula no WhatsApp é golpe — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

A mensagem fake que circula no WhatsApp afirma que a marca de bebidas está dando 1.000 frigobares exclusivos de graça aos consumidores. Para resgatar o suposto prêmio, bastaria clicar no link enviado abaixo do texto e responder a um questionário de quatro perguntas.

Pesquisas pelo termo "Coca-Cola frigobar" nos últimos sete dias, segundo Google Trends — Foto: Reprodução/GoogleTrends

No site para preenchimento do formulário há um texto com gatilhos de escassez, como "restam apenas 78 frigobares disponíveis". O objetivo da tática é criar senso de urgência nas vítimas e pressioná-las a fornecer seus dados. Após o envio das respostas, os criminosos pedem ao usuário para compartilhar a mensagem com cinco grupos ou 20 amigos no WhatsApp. Do contrário, não seria possível receber o eletrodoméstico, alega a mensagem.

Esta não é a primeira vez que o golpe do frigobar grátis circula no aplicativo de mensagens. A fraude apareceu pela primeira vez em março de 2020 e depois ressurgiu em abril do ano seguinte. Apesar de antiga, a mensagem falsa permanece fisgando vítimas que estão em busca de brindes grátis. Veja alguns relatos a respeito:

O que diz a Coca-Cola

Procurada pelo TechTudo, a Coca-Cola desmentiu a informação de que estaria dando frigobares e reforçou que a mensagem não tem ligação com a empresa.

É falsa a informação que circula por WhatsApp ou qualquer outra rede de que a Coca-Cola presenteará com um frigobar os usuários que compartilharem um link. A marca Coca-Cola não está fazendo qualquer promoção que envolva o compartilhamento de um link ou a distribuição de aparelhos de frigobar.Se você receber uma mensagem com este conteúdo, provavelmente, trata-se de um golpe para roubo de dados pessoais de consumidores. Pedimos atenção redobrada aos consumidores para boatos envolvendo brindes e a nossa marca. Alertamos ainda que o link que acompanha a mensagem direciona o consumidor para um site que não pertence à Coca-Cola.

Como se proteger do golpe do frigobar grátis na Semana do Consumidor

O golpe da Coca-Cola dando frigobar na Semana do Consumidor é semelhante a outros golpes de phishing que circulam no WhatsApp. O modus operandi dos fraudadores é sempre o mesmo: eles oferecem produtos grátis ou grandes descontos em troca de informações pessoais ou bancárias. Para validar a promoção, os fraudadores pedem que a vítima compartilhe o recado com seus amigos, ação que contribui para a disseminação do golpe.

Por isso, sempre desconfie de promoções que chegam por meios não-oficiais, já que esse tipo de oferta costuma ser divulgada no site ou nas redes sociais da marca. Além disso, evite clicar em links suspeitos recebidos via WhatsApp, mesmo que eles tenham sido encaminhados por pessoas de confiança. Para reforçar ainda mais a segurança, vale também instalar no smartphone um serviço de antivírus com proteção contra phishing que bloqueie automaticamente o acesso a links duvidosos.

Veja também: Três dicas para economizar e não cair em fraudes na Semana do Consumidor

Semana do Consumidor: 3 dicas para economizar e não cair em fraudes

Semana do Consumidor: 3 dicas para economizar e não cair em fraudes

Mais do TechTudo