Celular

Por Danilo Paulo de Oliveira, para o TechTudo

TechTudo

O Moto E20 é um celular básico da Motorola que roda Android Go, uma versão mais leve do sistema do Google. Sua ficha técnica menciona câmera dupla e telona de 6,5 polegadas. O dispositivo pode ser uma opção interessante para quem procura um celular para tarefas básicas do dia a dia com bom custo-benefício. Confira a seguir todos os detalhes do aparelho.

O celular básico da Motorola desembarcou em setembro de 2021 no Brasil pelo preço sugerido de R$ 999. Pouco mais de seis meses após o lançamento, o Moto E20 já pode ser encontrado na Amazon por valores que partem de R$ 849 – desconto de R$ 150.

Tela do Moto E20 tem 6,5 polegadas — Foto: Divulgação/Motorola

Ficha técnica do Motorola Moto E20

  • Tamanho da tela: 6,5 polegadas
  • Resolução da tela: HD+
  • Painel da tela: IPS LCD
  • Câmera: Principal de 13 MP + 2 MP
  • Câmera frontal: 5 MP
  • Sistema: Android 11 Go
  • Processador: T606 Unisoc
  • Memória RAM: 2 GB
  • Armazenamento: 32 GB
  • Cartão de memória: sim
  • Capacidade da bateria: 4.000 mAh
  • Telefonia: Dual SIM e 4G
  • Peso: 185 gramas
  • Dimensões: 165 x 75,6 x 8,5 mm
  • Cores: azul e cinza
  • Lançamento global: março de 2021
  • Lançamento no Brasil: setembro de 2021
  • Preço de lançamento: R$ 999
  • Preço atual: R$ 849

Tela e design

Moto E20 está disponível em duas cores — Foto: Divulgação/Motorola

A tela do Moto E20 é um dos destaques do modelo. Ela tem 6,5 polegadas e resolução HD+. O painel usa a tecnologia IPS LCD, que garante bons níveis de branco. O tamanho deve agradar aos usuários que gostam de consumir conteúdo em aplicativos como YouTube e TikTok. O design segue as linhas gerais adotadas nos últimos lançamentos da Motorola, o que se traduz em bordas relativamente finas e um recorte para a câmera na tela em formato de gota.

A traseira é feita em plástico texturizado e o conjunto de lentes das câmeras fica organizado numa moldura levemente saliente. A logomarca da empresa fica na altura do dedo indicador quando o smartphone está nas mãos do usuário. É nela também que fica o sensor biométrico para desbloqueio. São duas opções de cores: azul ou cinza.

Câmeras do E20

Moto E20 tem câmera traseira dupla — Foto: Reprodução/Motorola

Por se tratar de um celular de entrada, a proposta do Moto E20 não é – nem de longe – oferecer resultados fotográficos formidáveis, mas o conjunto é capaz de fazer bons registros em condições mais favoráveis de iluminação. A traseira tem um arranjo duplo de sensores e um flash de LED.

O conjunto fotográfico do Moto E20 é o seguinte:

  • Principal de 13 MP (f/2)
  • Sensor de profundidade de 2 MP (f/2.4)
  • Câmera frontal de 5 MP (f/2.2)

A resolução máxima de captura de vídeos fica limitada ao Full HD a 30 quadros por segundo, tanto na câmera frontal quanto na traseira. Graças ao sensor de profundidade, o dispositivo consegue fazer fotografias no modo retrato com o fundo bem desfocado. O usuário ainda pode realizar edições básicas nas imagens através do próprio sistema, sem uso de aplicativos de terceiros

Desempenho

Moto E20 tem RAM de 2 GB — Foto: Reprodução/ Motorola

A Motorola não especifica qual o processador usado no smartphone, mas testes de benchmark revelam a presença de um chipset da Unisoc que trabalha com oito núcleos de até 1,6 GHz de velocidade. Para multitarefas, o modelo dispõe de 2 GB de memória RAM, que deve aguentar tão somente as demandas leves do dia a dia, como navegação por textos nas redes sociais ou aplicativos de conversa.

Apesar de possuir um hardware básico, o sistema mais limpo que equipa o produto faz com que esse conjunto seja bem aproveitado. A explicação é a presença do Android na versão Go, que é um modelo mais leve do sistema do Google, com apps que consomem menos recursos. O conjunto deve ser suficiente para uso de redes sociais, aplicativos de música, vídeo e jogos simples como Candy Crush.

O celular conta com 32 GB de armazenamento interno. É recomendável que o usuário utilize um cartão de memória microSD, pois a tendência é que esse espaço interno se esgote rapidamente.

Bateria

Moto E20 tem bateria de 4.000 mAh e porta USB-C — Foto: Reprodução/Motorola

A bateria do Moto E20 tem a capacidade de 4.000 mAh. Com essa especificação, a empresa promete até 40 horas do modelo longe das tomadas. Na caixa, o smartphone conta com carregador de 10W incluso. Outro ponto que corrobora para uma boa autonomia energética é o processador intermediário, que tem consumo reduzido. Vale mencionar ainda a presença da entrada USB-C 2.0.

Versão do Android e recursos extras

Moto E20 e Moto E40 trazem sensor de impressão digital na traseira — Foto: Divulgação/Motorola

O Moto E20 chegou com Android 11 de fábrica na versão Android Go. Com isso, a Motorola promete ao usuário uma experiência mais fluida, já que os aplicativos do sistema operacional são mais leves.

Sobre conectividade, o Moto E20 é equipado com um conjunto básico, o que significa que ele não oferece suporte à internet 5G – tecnologia que ainda está restrita a aparelhos mais caros. O celular da Motorola também não dispõe de NFC, o que impossibilita o usuário de realizar pagamento por aproximação.

Ainda sobre recursos, o conjunto vem com os tradicionais acelerômetro, sensor de proximidade, giroscópio, leitor de impressão digital, entrada USB-C 2.0, GPS, Bluetooth 5.0 e Wi-Fi dual band com frequência de 2,4 e 5 GHz.

Preço do E20

O Moto E20 foi anunciado oficialmente no início de 2021, mas só desembarcou no Brasil em setembro de 2021 pelo preço sugerido de R$ 999. Atualmente, o produto pode ser encontrado na Amazon por R$ 849.

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques. Os valores indicados no texto são referentes ao mês de abril de 2022.

Mais do TechTudo