Produtividade
Publicidade

Por Raquel Freire, para o TechTudo


O aplicativo e-Título, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), vai ficar fora do ar temporariamente até esta quinta-feira (5). A suspensão foi adotada para "priorizar os serviços relacionados ao final do prazo para emissão e/ou regularização do título de eleitor", segundo mensagem exibida no próprio app. Vale lembrar que o prazo para tirar, regularizar e transferir o título de eleitor a tempo de participar das Eleições 2022 encerra hoje (4). Os pedidos devem ser feitos pela plataforma online Título Net. De acordo com o TSE, o e-Título deve voltar a funcionar a partir de amanhã.

A medida visa evitar a sobrecarga nos sistemas do TSE, que chegaram a ficar fora do ar por algumas horas na segunda-feira (2). Na ocasião, o Título Net registrou mais de 685 mil atendimentos, o recorde de solicitações em um único dia na plataforma.

App e-Título, do TSE, fica fora do ar até quinta-feira, dia 5 — Foto: Divulgação/Tribunal Superior Eleitoral

Desde então, o TSE decidiu tirar do ar o e-Título e outros sistemas que não interferem no alistamento eleitoral, como mudança de local de votação ou regularização do cadastro do eleitor. Por conta das medidas restritivas para evitar a propagação de Covid-19, não é necessário cadastrar ou realizar biometria ao registrar o voto.

Mensagem exibida no aplicativo e-Título, do TSE — Foto: Reprodução/Raquel Freire

Nos dias da votação — 2 de outubro no primeiro turno e 30 de outubro no segundo —, o documento virtual poderá ser apresentando normalmente através do e-Título, que tem versões para Android e iPhone (iOS). Os eleitores votarão para eleger representantes dos cargos de Presidente da República, governador, senador, deputados federais e deputados estaduais.

Com informações de TSE

Veja também: Os ‘vilões’ da luz: veja o que mais gasta energia e como economizar

Os ‘vilões’ da luz: veja o que mais gasta energia e como economizar

Os ‘vilões’ da luz: veja o que mais gasta energia e como economizar

Mais do TechTudo