Campeonatos

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


A MIBR venceu a Eternal Fire, nesta quarta-feira (11), e está na última rodada do Challengers Stage no PGL Major Antwerp 2022, mundial de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO). Os brasileiros chegaram ao confronto sabendo do risco da eliminação em caso de derrota e tiveram uma ótima atuação contra a forte equipe liderada por İsmailсan "XANTARES" Dörtkardeş. Apesar de momentos difíceis durante a série melhor de três partidas (MD3), a MIBR foi superior e conquistou a vitória por 2–0, parciais de 16–13, na Vertigo, e 16–11, na Nuke.

A próxima série da MIBR acontece nesta quinta-feira (12). Uma nova vitória vai garantir a equipe brasileira na próxima fase, o Legends Stage, enquanto a derrota acarretará na eliminação. Os confrontos são transmitidos nos canais da PGL na Twitch e no YouTube. Streamers, como Alexandre "Gaules" Borba e Jean "mch" Michel D'Oliveira, também transmitem o evento na Twitch. A seguir, você confere os destaques do duelo entre MIBR e Eternal Fire.

MIBR vence a Eternal Fire e mantém vivo o sonho do Legends Stage no PGL Major Antwerp 2022 — Foto: Divulgação/PGL

Mapa 1 (Vertigo)

A Vertigo foi escolha da Eternal Fire, mas quem controlou a partida no começo foi a MIBR. Liderada por Jhonatan "JOTA" Willian, a equipe brasileira não encontrou dificuldades em realizar um dominante lado CT, deixou os turcos sem reação no confronto e logo abriu 6–0. A Eternal Fire só conseguiu ensaiar uma recuperação quando seu principal jogador, İsmailсan "XANTARES" Dörtkardeş, encaixou sua mira e fez um 3K para tirar sua equipe do zero. Depois, a MIBR marcou seu sétimo ponto, antes da partida sofrer uma longa pausa técnica. Os turcos conseguiram achar três rounds após a interrupção, mas a MIBR venceu um econômico e manteve o bom momento até fechar a metade em 11–4.

No segundo pistol, a MIBR conseguiu um plant muito rápido no bombsite A, mas a Eternal Fire teve sucesso em seu retake para chegar ao seu quinto ponto e depois emplacar mais dois em sequência. Nesse momento, a MIBR conseguiu a economia necessária para um round armado e realizou uma nova boa entrada no bombsite A, dessa vez com sucesso. A Eternal Fire se manteve superior, mas os brasileiros, pacientes, souberam guardar armas na hora certa e buscar rounds quando possível. Essa paciência foi recompensada com um grande clutch de Raphael "exit" Lacerda no map point, que garantiu a vitória da MIBR por 16–13.

Clutch em situação 1v3 de Exit assegurou a vitória da MIBR na Vertigo — Foto: Reprodução/PGL

Mapa 2 (Nuke)

A segunda partida foi no mapa de escolha da MIBR, a Nuke. Eternal Fire, como CT, buscou a vitória nos dois primeiros rounds, mas logo Matheus "Tuurtle" Anhaia apareceu em um 1v2 para garantir o after plant e tirar a MIBR do zero. Apesar de a equipe turca chegar à terceira vitória no round seguinte, Marcelo "chelo" Cespedes garantiu o round forçado da MIBR com dois excelentes abates de abertura. A Eternal Fire conseguiu resistir ao bom momento da MIBR, mas Tuurtle apareceu novamente para diminuir o prejuízo dessa metade ao buscar um 3K em um round quase perdido. Graças a essa jogada, a vantagem dos turcos foi de apenas 9–6.

Na virada de lados, Raphael "exit" Lacerda voltou a brilhar com um 3K no pistol e abriu o caminho para a equipe brasileira chegar ao empate e na virada logo em 10–9 logo em seguida. A Eternal Fire se mostrou abalada após a virada e simplesmente não conseguiu repetir o mesmo desempenho que teve como CT. A MIBR teve apenas um pequeno susto na reta final, em que a equipe turca esboçou uma reação, mas o jogador "exit" estava lá novamente para frustrar seus adversários em um clutch 1v2. Assim, os brasileiros venceram na Nuke por 16–11 para seguirem vivos no Major.

Tuurtle foi decisivo na Nuke para assegurar a vitória da MIBR no mapa e na série — Foto: Divulgação/PGL

As três últimas séries do Challengers Stage acontecem nesta quinta-feira (12). Além da MIBR, a Imperial Esports, que venceu a IHC Esports nesta quarta-feira (11), também terá a última chance de avançar ao Legends Stage. A segunda fase, que já conta com a presença da FURIA Esports, acontece entre os dias 14 e 17 de maio e confirmará as equipes que avançarão para o Champions Stage. O mundial de CS:GO contou inicialmente com 24 equipes participantes e possui uma premiação total de US$ 1 milhão (cerca de R$ 5 milhões).

Com informações de HLTV e Liquipedia

Mais do TechTudo