Por Thássius Veloso (@thassius) — Bogotá, Colômbia

Thássius Veloso/TechTudo

A fala tranquila e o sorriso largo não entregam que diante deste escriba está uma das pessoas mais poderosas da indústria global de celulares. TM Roh lidera a operação de dispositivos móveis da Samsung, que vendeu 272 milhões de unidades, abocanhou 19% do mercado e ficou em primeiro lugar no ranking da consultoria Gartner em 2021. Numa entrevista exclusiva, TM revela que a empresa superou as projeções de vendas de smartphones dobráveis. Também afirma que Samsung e Brasil têm uma “relação inseparável”.

A conversa ocorreu na Colômbia, onde lideranças da gigante sul-coreana se reuniram para discutir estratégias. Eu perguntei em português e TM Roh respondeu em coreano, com tradução de uma intérprete convidada pela empresa. Foi a primeira conversa dele com a imprensa da América Latina. Confira o pingue-pongue nas linhas a seguir.

Atrevido que sou, aproveito as respostas do presidente global de Mobile Experience para algumas observações em itálico – afinal de contas, são vários anos cobrindo o setor.

TM Roh é presidente de Mobile Experience na Samsung — Foto: Divulgação/Samsung

TechTudo – Ainda existe muita dúvida sobre os celulares dobráveis. Os consumidores realmente estão comprando aparelhos como o Galaxy Z Flip 3?

TM Roh – Poucas pessoas previram que esta categoria cresceria tão rápido quando apresentamos o nosso primeiro smartphone dobrável, o Galaxy Fold original, em 2019. No ano passado nós produzimos cerca de quatro vezes mais celulares dobráveis do que em 2020. Este aumento superou a velocidade prevista pelos analistas, de três vezes.

Tudo isso prova que os consumidores estão buscando telas grandes e a possibilidade de multitarefa, porém num smartphone mais compacto. A gente espera que o formato dobrável cresça em popularidade. Previsões do setor mostram que as remessas globais devem aumentar cerca de dez vezes até 2023.

Neste mar de atualizações que são de certa forma repetitivas e repletas de mesmices, sempre estamos comprometidos a ultrapassar os limites da tecnologia, mesmo quando outras pessoas julgavam ser impossível.

O resultado disso é que estabelecemos um novo padrão que os demais agentes da indústria estão seguindo. Nós estamos sempre tentando detectar sinais de que a transformação está acontecendo. Aproveitamos o feedback dos clientes para oferecer experiências móveis que nos permitem evoluir.

Aqui, TM parece fazer uma autocrítica ao mencionar a mesmice dos celulares. Muitos leitores e ouvintes me abordam nas redes sociais para dizer que estão cansados de aparelhos bastante similares em formato e recursos. É justamente aí que rivais como Xiaomi e Realme nadam de braçada. Elas estão crescendo ao oferecer o tal mais do mesmo por preços mais acessíveis, algo essencial no mercado brasileiro.

Galaxy Z Fold 3 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Qual é a importância do Brasil para o negócio de dispositivos móveis da Samsung?

O mercado brasileiro é de extrema importância para nós. Temos um relacionamento supervalioso há cerca de 35 anos. Hoje em dia são mais de 300 pontos de venda exclusivos, incluindo as Samsung Stores e os quiosques. Além disso, nós temos uma forte aliança com as principais operadoras e redes varejistas.

Estamos investindo na expansão dos produtos que são fabricados dentro do país, por meio de esforços contínuos no processo de pesquisa e desenvolvimento. Atualmente nós operamos complexos industriais em Manaus e Campinas, onde também estão nossos dois centros de pesquisa. Estamos sempre comprometidos em levar as melhores e mais recentes experiências do mobile para os consumidores do país.

Existe uma relação inseparável entre Samsung e Brasil. Ela conta com todo o investimento e dedicação.

Cabe lembrar que a compreensão sobre o mercado brasileiro levou a Samsung a retomar o fornecimento de carregadores nos celulares mais caros. Conforme revelamos com exclusividade, a companhia tornou permanente o programa de entrega do componente depois de críticas dos clientes e da atuação de autoridades.

O 5G está começando agora no Brasil, mas é uma tecnologia bem desenvolvida no país-sede da Samsung, a Coreia do Sul. Qual será o impacto desta tecnologia na vida das pessoas?

A internet móvel de quinta geração vai abrir um mundo de possibilidades para os brasileiros. Essa tecnologia permite conexões mais rápidas e estáveis. As pessoas poderão se comunicar de maneiras completamente novas.

A Samsung vem desempenhando um papel fundamental no processo de desenvolvimento dela, desde contribuições com os padrões da indústria até a produção de processadores e o fornecimento de dispositivos 5G.

A Coreia do Sul, como você mencionou, está bastante avançada neste aspecto. Ainda que a cobertura tenha se expandido, ainda são incomuns as aplicações que tirem proveito de tudo que o 5G pode oferecer.

Queremos garantir que todos tenham acesso às experiências desta novidade no Brasil. Nossa intenção é fornecer a maior seleção de produtos 5G do país. Hoje são 22 smartphones em várias faixas de preço, incluindo os aparelhos da linha Galaxy A. Podemos atender a uma ampla variedade de estilos e necessidades.

Nossos produtos podem se conectar a várias frequências de 5G, dependendo do que é adotado por cada operadora. Também estamos continuamente trabalhando com os provedores de serviços. Eles poderão criar novos usos envolvendo tecnologias da chamada computação de borda, como realidade aumentada (AR), realidade virtual (VR), Internet das Coisas (IoT), cloud computing e muito mais.

À medida que as redes e a infraestrutura de 5G avançarem dentro do Brasil, nossa ideia é garantir que todos tenham a oportunidade de aproveitar essa tecnologia e seus benefícios.

O leilão do 5G ocorreu no fim de 2021 e segue um cronograma de longo prazo. Até meados de 2022, as operadoras terão que instalar antenas de 5G nas capitais. Cidades menores verão a cobertura se ampliar com o passar do tempo. Em outras palavras, estamos vivendo o começo da nova geração de internet móvel.

O Ministério da Economia estima que o mercado de soluções 5G – como as mencionadas por TM Roh – deve movimentar R$ 101 bilhões nas empresas e startups na próxima década. Já o impacto como um todo do 5G na economia nacional deve chegar a R$ 590 bilhões até 2032.

Galaxy S22 e Galaxy S22 Plus — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Hoje em dia a Samsung aposta na linha do Galaxy S22. Quais são os recursos de destaque destes smartphones?

Sou sempre agradecido aos consumidores brasileiros pela confiança e por utilizarem nossos produtos. Assim como em qualquer outro dispositivo desenvolvido por nós, no Galaxy S22 incorporamos nosso compromisso de fornecer os celulares mais avançados deste mercado. É uma prova da nossa inovação.

O Galaxy S22, o Galaxy S22 Plus e o Galaxy S22 Ultra têm um design diferenciado, para começo de conversa. Suas telas são ainda mais brilhantes. A interface One UI ficou mais fluida. Também focamos nas tecnologias de câmera, com avanços em recursos de captura, edição e compartilhamento das fotos. É como se tivéssemos somado todas as vantagens e tecnologias mais avançadas, inclusive funções do Galaxy Note.

Aqui o executivo faz uma referência à linha Note, uma das mais amadas do mercado de celulares. A Samsung decidiu parar de lançar novos smartphones desta marca e adicionou recursos como a caneta eletrônica S Pen ao Galaxy S.

Depois da entrevista cara a cara, a Samsung me explicou que a pré-venda da linha Galaxy S22 dobrou em relação ao Galaxy S21 tanto no mercado global quanto no brasileiro. Especificamente no país, o principal destaque foi o Galaxy S22 Ultra, modelo mais caro e potente, que respondeu por 46% das vendas. A empresa não abre os números absolutos.

Galaxy S22 Ultra com S Pen — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

O que vem por aí no segmento de smartphones premium?

Os últimos relatórios de tendências mostram que o mercado global de smartphones premium está crescendo mais rápido do que o mercado geral. Considerando que eles trazem o auge das nossas inovações mais recentes, acreditamos que há aqui um grande potencial para crescer muito.

Nosso trabalho é antecipar o que os clientes desejam antes mesmo que eles percebam. É assim que a gente impulsiona a inovação e enriquece a vida das pessoas de uma maneira significativa. Nunca tivemos medo de fazer as coisas de um jeito diferente.

Queremos desafiar o que um smartphone é capaz de fazer. Foi assim que redefinimos a indústria inúmeras vezes, desde a criação dos celulares com tela grande, como o Galaxy Note, até a conectividade pioneira do 5G e a revolução dobrável. Temos orgulho do nosso pioneirismo. A Samsung se atreve a ir aonde nenhuma outra empresa poderia chegar.

O jornalista viajou para Bogotá, na Colômbia, a convite da Samsung.

Thássius Veloso (@thassius) é jornalista especializado em tecnologia, setor que cobre há dez anos. É editor do TechTudo e comentarista da CBN e da GloboNews. Entre em contato pelo email thassius@edglobo.com.br.

No vídeo abaixo, confira a chegada dos dobráveis Flip 3 e Fold 3 (agora resistentes à água)

Confira a chegada dos dobráveis Flip 3 e Fold 3 (agora resistentes à água)

Confira a chegada dos dobráveis Flip 3 e Fold 3 (agora resistentes à água)

Mais do TechTudo