Streaming
Publicidade

Por Barbara Mannara, para o TechTudo


Apple TV+ é o streaming de filmes e séries da Apple. O serviço faz frente a concorrentes como Netflix e Amazon Prime Video, e conta com produções originais que estão fazendo sucesso entre os espectadores. A série "Ruptura" (Severance), por exemplo, é considerada uma das melhores produções de 2022. Além disso, o preço do streaming da Apple é mais econômico, se comparado a outros serviços que oferecem catálogo 100% original, como o Disney+: a assinatura custa R$ 9,90 por mês. O TechTudo preparou, nas linhas a seguir, um guia completo sobre a Apple TV+. Continue a leitura e saiba mais sobre o serviço.

Apple TV+: veja catálogo e preço do streaming — Foto: Barbara Mannara/TechTudo

Catálogo do Apple TV+

No catálogo do AppleTV+ estão disponíveis filmes e séries de produção própria, chamados de Apple Originals. O espectador encontra programações variadas, como documentários, dramas, títulos infantis — como episódios inéditos do desenho do Snoopy — e comédias. Há estreias todos os meses, dinâmica que renova regularmente a lista de novidades do TV+.

Catálogo da Apple TV+ apresenta produções originais da Apple — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Entre as séries originais mais populares do momento, além da já citada “Ruptura”, estão a coreana "Pachinko" e "Iluminadas", produção estrelada por Elisabeth Moss, conhecida por sua atuação em "The Handmaid’s Tale". Já a série “For All Manking”, também original, apresenta um futuro distópico sobre a corrida espacial global. Os episódios de “A Serpente de Essex”, por sua vez, trazem o ator Tom Hiddleston, que ficou popular por interpretar Loki no universo cinematográfico Marvel.

Catálogo de originais da Apple traz diversão para a família, dramas e documentários — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

No streaming também é possível acessar os chamados TV Channels, canais que são liberados apenas com assinaturas extras e que oferecem títulos além dos Apple Originals. São eles: Paramount (R$ 19,90 por mês) , StarzPlay (R$ 14,90 por mês), MGM (R$ 14,90 por mês), Adrenalina Pura (R$ 9,90 por mês) e Noggin (R$ 9,50 por mês). Também está disponível a opção de alugar individualmente cada filme, em dinâmica similar a uma locadora de vídeos.

Apple TV+ tem canais parceiros com assinaturas independentes ou aluguel de títulos das distribuidoras — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Planos e preços

O plano da Apple TV+ custa R$ 9,90 por mês. Ele pode ser compartilhado com a família, com no máximo cinco pessoas, desde que cada uma tenha sua própria conta Apple ID. Cada usuário vinculado à assinatura só pode assistir uma tela por vez. Interessados em conhecer melhor o catálogo do streaming têm a opção de testar o serviço por sete dias grátis.

Preço da Apple TV+ para novos assinantes — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Consumidores que compraram um aparelho Apple TV têm direito a três meses gratuitos do plano do streaming. A oferta fica disponível por até 90 dias após a aquisição. Quem preferir pode ainda adquirir o Apple One, pacote de assinatura que agrupa cinco serviços premium da Apple: Music, Arcade, TV+, iCloud e Fitness. É possível testá-lo por um mês grátis.

Dispositivos compatíveis

O AppleTV+ é compatível com todos os dispositivos da empresa da maçã. Portanto, funciona pelo aplicativo do iPhone, iPad e Mac, bem como na Apple TV e em transmissão via AirPlay. O TV+ ainda tem compatibilidade com SmartTVs de marcas como Samsung, LG, Vizio e Sony. Além disso, é possível fazer streaming pelos dongles da Roku e FireTV, e acessar o serviço pelos dispositivos PlayStation e Xbox.

Apple TV+ está disponível em aplicativos em dispositivos da Apple, de streaming, SmartTVs e aparelhos de jogos — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Vale ressaltar, no entanto, que o app para celular ou computador não reproduz nativamente no Chromecast, do Google, para transmitir na TV de casa. Para fazê-lo, é necessário acessar o serviço pelo navegador Chrome e espelhar a tela na TV.

4. Como assinar Apple TV+

É possível contratar o serviço de streaming por meio dos dispositivos compatíveis com Apple TV+ ou diretamente pelo site "tv.apple .com/br" (sem aspas). Em ambas opções há um botão de "Iniciar Sessão" e de "Iniciar Teste Gratuito" — o nome pode variar conforme a plataforma acessada. Após clicar no botão em questão, será necessário adicionar suas credenciais Apple ID com login e senha.

Faça o acesso com uma ID da Apple para assinar o Apple TV+ — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Feito isso, confirme as informações de pagamento. Será necessário adicionar uma forma financeira válida, como cartão de crédito. Ao final, confirme a assinatura e concorde com os Termos e Condições. Se estiver aproveitando o período de teste grátis, lembre-se de cancelar a assinatura antes de sete dias para não ser cobrado.

Como cancelar Apple TV+

É possível cancelar a assinatura da TV+ quando quiser, sem tempo de permanência mínima. Vale lembrar, entretanto, que o valor da assinatura mensal será o mesmo — sem estorno do tempo não utilizado. O acesso permanecerá, mesmo após o cancelamento, até o último dia da fatura já paga.

Cancele a Apple TV+ pelo celular — Foto: Divulgação/Apple

Para cancelar pelo iPhone, iPad ou iPod Touch, basta abrir o app de "Ajustes" no aparelho. Em seguida, toque no botão indicado com o "seu nome" e selecione "Assinaturas". Toque no TV+ e confirme em "Cancelar assinatura". Talvez seja necessário rolar para baixo para encontrar o botão em questão. Caso não o veja, significa que a assinatura já foi removida.

Cancele a Apple TV+ quando quiser pelo aplicativo oficial — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Pelo Mac (computador), o processo é um pouco diferente. Abra a "App Store" e clique no botão que indica "seu nome". Selecione "Ajustes da conta" e role até "Assinaturas". Escolha "Gerenciar" e, ao lado da assinatura da TV+, clique em "Editar". Vá em "Cancelar Assinatura" para finalizar.

Apple TV+ é bom?

A Apple TV+ apresenta apenas títulos próprios (Apple Originals) em sua assinatura e, por isso, acaba saindo em desvantagem frente a concorrentes como Netflix e Prime Video, que dispõem de produções originais somadas a milhares de títulos de outras distribuidoras. Para assistir algum conteúdo fora dos originais da Apple, é necessário pagar um valor extra, o que encarece o serviço.

O TV+ está mais na linha do Disney+, com seu catálogo 100% original. Desta vez, porém, o streaming da empresa da maçã sai em vantagem em relação ao preço da mensalidade. O TV+ custa R$ 9,90, enquanto o Disney+ tem valor de R$ 27,90 na opção mensal. A Netflix, apesar de ter um menu com opções mais variadas, também está na faixa dos streamings caros: o plano mais em conta fica por R$ 25,90.

Vale ressaltar que o conteúdo da Apple TV+ vem se destacando por suas produções originais, oferecidas por um preço "mais acessível", na mesma linha de valor do Prime Video. Logo, o streaming é mais indicado para quem está procurando por títulos específicos da Apple e não quer gastar muito com assinaturas.

Com informações da Apple e Suporte Apple

Veja também: dicas que todo assinante da Netflix deveria saber

Netflix: dicas que todo o assinante deveria saber

Netflix: dicas que todo o assinante deveria saber

Mais do TechTudo