Jogos de ação
Publicidade

Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


God of War: Ragnarok, um dos games mais esperados do PlayStation 5 (PS5) e PlayStation 4 (PS4), foi o centro de uma polêmica nesta quinta-feira (30). Fãs começaram a assediar a equipe de desenvolvedores por não terem revelado uma data de lançamento. A produtora de cenas Estelle Tigani chegou a receber mensagens de cunho sexual de usuários que exigiam uma data, o que irritou o diretor do game, Cory Balrog, que se manifestou no Twitter. A impaciência dos fãs foi alimentada por vazamentos de insiders confiáveis que afirmavam que novidades seriam reveladas hoje. God of War: Ragnarok está planejado para 2022, ainda sem uma data definida.

God of War: Ragnarok está envolto em vários rumores sobre adiamento, mas o diretor Cory Balrog afirma que o game sairá em 2022 — Foto: Reprodução/PlayStation Blog

👉 Qual o melhor jogo da série God of War? Comente no Fórum do TechTudo

O rumor começou a ser fomentado na quarta-feira (29), quando o insider The Snitch postou uma imagem de Kratos com os números "11110", que significam "30" em binário. Em seguida, uma postagem do insider Tom Henderson no Twitter também confirmava alguma novidade de God of War para o dia 30. Segundo algumas dicas na postagem, haveria um anúncio da Edição de Colecionador do game e sua data de lançamento. Ambos os insiders são conhecidos por seu histórico de acertos e, segundo Henderson, o anúncio estava mesmo previsto para o dia 30, mas foi adiado internamente pela própria Sony e deve acontecer em breve.

Após rumores sobre anúncio da data de lançamento, equipe sofreu assédio no Twitter — Foto: Reprodução/PlayStation Blog

A ausência do anúncio com uma data de lançamento alimentou rumores anteriores de que God of War sofreria um novo atraso para 2023, o que parece ter irritado alguns fãs. O diretor do game Cory Balrog negou o atraso e pediu paciência em sua conta de Twitter, afirmando que novas informações seriam reveladas assim que possível. Todavia, muitos usuários continuaram a pressioná-lo e alguns insistiram para que ele apenas "admitisse" que o jogo sofreria um atraso.

O assédio se estendeu a outros membros da equipe, como no tweet de Estelle Tigani que relatou receber mensagens de cunho sexual que exigiam a data de lançamento do jogo. Cory Balrog citou a postagem bastante irritado. Com o uso de palavrões, ele alertou que ninguém deveria fazer isso com qualquer pessoa da indústria de games e que os jogadores deveriam mostrar respeito aos desenvolvedores que se esforçam para fazer algo que a comunidade possam apreciar.

Segundo o repórter Jason Schreier da Bloomberg, God of War seria lançado em novembro e uma data deverá ser revelada em breve. Tom Henderson também confirmou detalhes sobre a suposta Edição de Colecionador de God of War: Ragnarok. Ela seria lançada em duas versões, Collector's Edition e Jotnar Edition. Ambas teriam uma réplica em escala 1:1 do martelo Mjolnir de Thor, porém a Collector's Edition teria conteúdos extras como broches, mapa do mundo do jogo e mais. Henderson acredita que o jogo será lançado em 11 de novembro, mas trata-se apenas de um palpite com base em datas anteriores de lançamento da Sony.

Com informações de WCCF Tech (1 e 2), Dbltap, Gaming Bible, Cory Balrog, Tom Henderson (1 e 2), The Snitch, VideoGamesChronicle, eXputer

5 jogos essenciais para PlayStation que todo jogador deveria conhecer

5 jogos essenciais para PlayStation que todo jogador deveria conhecer

Mais do TechTudo