Celular
Publicidade

Por Danilo Paulo de Oliveira, para o TechTudo

Reprodução/Luke Miani

O primeiro iPhone do mundo chegou às lojas em 29 de junho de 2007. Quinze anos depois, basta comparar o modelo mais recente do celular da Apple – o iPhone 13 – com a primeira geração para ver o quanto o dispositivo evoluiu. Um youtuber foi além e conseguiu ter acesso a alguns protótipos raros do iPhone, datados de 2006.

Luke Miani mostrou unidades de protótipo do iPhone, cada uma avaliado em U$ 500 mil (cerca de R$ 2,6 milhões). Uma das raríssimas peças foi manufaturada em uma semana e vem equipada com um software de testes que não se parece em nada com o iOS.

Protótipo de iPhone avaliado em R$ 2,6 milhões — Foto: Luke Miani

Alguns modelos do protótipo exibido por Miani possuem um visual mais próximo da versão final que a Apple apresentou, incluindo a tela de plástico que mais tarde foi abandonada em favor da tela de vidro.

Interface do software de testes do protótipo do iPhone — Foto: Luke Miani

Enquanto isso, duas unidades eram tão anteriores ao lançamento que ainda tinham adesivos colados na parte de trás com informações das peças de fornecimento do aparelho. Uma das antenas e o sensor de proximidade eram de fornecimento da Foxconn. Já a bateria era da Sony.

Um dos protótipos raros do iPhone era tão anterior ao lançamento que ainda possuía um adesivo com a descrição dos fornecedores — Foto: Luke Miani

Na parte de trás de um dos modelos, em vez da gravação da quantidade de armazenamento interno, há a seguinte inscrição: “Este dispositivo não foi autorizado conforme exigido pelas regras da FCC”. Confira abaixo em detalhes o vídeo dos protótipos do smartphone da Apple.

Os 15 anos do iPhone

O dispositivo da Apple mudou a forma como o mundo pensa o uso de um celular. No lançamento do primeiro modelo, a ideia era unificar funções do iPod a um telefone com acesso à internet. Na estreia do produto, Steve Jobs foi bastante enfático ao dizer que, naquele dia, estavam fazendo história.

Quinze anos depois, o iPhone dita tendências no mercado e se posicionou como o smartphone mais desejado do mundo, além de dominar o ranking de celulares mais vendidos de 2021.

iPhone 4 teve acabamento reformulado — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Apesar de hoje existir o iPhone 13, que é considerado um dos melhores smartphones do mundo, a empresa já lançou muitos outros aparelhos icônicos que estão na memória das pessoas. O iPhone 4, de 2010, por exemplo, é visto como o iPhone mais emblemático já feito. Além do salto de desempenho, houve uma drástica mudança de desenho industrial, com a adoção de metais nas laterais e vidro na parte traseira.

iPhone 5C foi um queridinho dos brasileiros — Foto: TechTudo

Tempos depois, veio o iPhone 5 (2012), que virou piada por conta do novo tamanho de tela: 4 polegadas contra as 3,5 polegadas das gerações passadas. Apesar de hoje esse tamanho ser considerado pequeno, na época era visto por muitos como muito grande ou “muito alto”.

Um ano depois, a companhia lançou o icônico iPhone 5C com traseira de plástico e muitas cores. O produto tinha um valor mais acessível e fez muito sucesso no Brasil.

iPhone X foi muito criticado pelo recorte na tela, que existe até hoje — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Já o iPhone X, lançado em 2017, veio como modelo comemorativo do aniversário dos dez anos do smartphone da Apple. Com tela ”infinita”, o modelo chocou o público pela ausência do tradicional botão home e estreia do desbloqueio facial Face ID. Apesar de elogiado pelo desempenho até então sem precedentes, ele foi bastante criticado pela presença do recorte na tela, o notch. Desde então, o design dos iPhones mudou pouco.

Com informações de Apple Insider

Confira tudo sobre o iPhone 13 no vídeo abaixo

Confira tudo sobre o iPhone 13

Confira tudo sobre o iPhone 13

Mais do TechTudo