Redes sociais
Publicidade

Por Ana Letícia Loubak, da Redação


Uma falsa promoção que usa o nome da marca Coca-Cola para enganar usuários está circulando no WhatsApp desde a última quinta-feira (30). A fraude promete um frigobar exclusivo às pessoas que acessarem um link e responderem a um suposto questionário com perguntas e respostas, criado para roubar dados das vítimas. Antiga, a promoção fake circula no WhatsApp desde 2020 e foi detectada também em março deste ano, durante a Semana do Consumidor 2022. Desta vez, porém, o gancho é o aniversário de 130 anos da empresa de bebidas. A seguir, o TechTudo explica como funciona o golpe e como se proteger.

Dados do Google Trends, ferramenta que monitora pesquisas no Google, mostram que as consultas por termos como "promoção Coca-Cola frigobar é fake" e "frigobar exclusivo Coca-Cola" despontaram na última quinta-feira (30) e atingiram seu ápice às 11h deste sábado (2). O comportamento aponta para a desconfiança dos usuários em relação à mensagem, que apareceu pela primeira vez em julho de 2020, segundo dados da mesma ferramenta. Em seu site, a Coca-Cola confirma que a promoção não existe (veja posicionamento da empresa na íntegra ao final da matéria).

Promoção da Coca-Cola dando frigobar é fake? Golpe ressurge no WhatsApp — Foto: Getty Images

O golpe é disseminado por meio de um link compartilhado no WhatsApp. Ao abrir o site de resgate do suposto prêmio, os usuários são induzidos a responder um falso questionário com quatro perguntas genéricas, como "Você já é cliente Coca-Cola?" e "Com que frequência você compra nossos produtos?". Para pressionar as vítimas, a página apresenta textos com gatilhos de escassez, como "restam apenas 250 presentes".

Interesse sobre o termo "promoção Coca-Cola frigobar é fake" atingiu pico no sábado (2) — Foto: Reprodução/Google Trends

Após o envio das respostas, os golpistas pedem ao usuário para compartilhar a mensagem com cinco grupos ou 20 amigos no WhatsApp. Do contrário, não seria possível receber o eletrodoméstico. A solicitação, na verdade, é apenas uma estratégia para espalhar ainda mais a fraude e atingir novas vítimas, mas não disponibiliza qualquer prêmio.

O que diz a Coca-Cola

Em seu site oficial, a Coca-Cola desmentiu a informação de que estaria dando frigobares e reforçou que a mensagem não tem ligação com a empresa. A companhia de bebidas orientou os consumidores a não compartilhar dados pessoais e pediu atenção redobrada para boatos envolvendo brindes e a marca. Veja a nota abaixo.

"É falsa a informação que circula por WhatsApp ou qualquer outra rede de que a Coca-Cola presenteará com um frigobar gratuito os usuários que entrarem em um site, preencherem um questionário e compartilharem um link com amigos no WhatsApp.

A marca Coca-Cola não está fazendo qualquer promoção que envolva o compartilhamento de um link, fornecimento de dados pessoais ou a distribuição de aparelhos de frigobar.

Também não há promoções da companhia previstas para a Semana do Consumidor que contemplem a distribuição de produtos gratuitos ou o preenchimento de cadastros.

Se você receber uma mensagem com este conteúdo, provavelmente, trata-se de um golpe para roubo de dados pessoais de consumidores. Pedimos atenção redobrada aos consumidores para boatos envolvendo brindes e a nossa marca. Alertamos ainda que o link que acompanha a mensagem direciona o consumidor para um site que não pertence à Coca-Cola e pode ser danoso para o usuário."

Como se proteger

A mensagem da Coca-Cola dando frigobar é um golpe de phishing comum no WhatsApp. Nesse tipo de fraude, os criminosos oferecem produtos grátis ou grandes descontos em troca de informações pessoais ou bancárias. Para se proteger, o primeiro passo é desconfiar de promoções "boas demais para serem verdade" que chegam por meios não-oficiais, já que esse tipo de oferta costuma ser divulgada no site ou nas redes sociais da marca. Em caso de dúvidas, cheque os canais da empresa.

Além disso, não clique em links suspeitos recebidos por WhatsApp ou outras redes sociais, mesmo que tenham sido encaminhados por pessoas que você conhece. Vale, ainda, instalar um antivírus no celular e no computador para se proteger contra malwares que podem estar presentes nas URLs maliciosas divulgadas pelos fraudadores.

Com informações de Coca-Cola

Veja também: O que é GB WhatsApp? Conheça os recursos e os riscos trazidos pelo APK

O que é GB WhatsApp? Conheça os recursos (e os riscos) ao baixar o APK

O que é GB WhatsApp? Conheça os recursos (e os riscos) ao baixar o APK

Mais do TechTudo