Veículos
Publicidade

Por Renault


A tecnologia presente nos carros elétricos da Renault foi desenvolvida na Fórmula 1. — Foto: Divulgação

Hoje em dia, ninguém mais tem dúvida de que a eletrificação dos automóveis tem lugar cativo no futuro da mobilidade da humanidade. Este é um ponto pacífico – mas o que talvez você ainda não saiba é que esta revolução elétrica já chegou ao presente, trazendo mais qualidade de vida e sustentabilidade.

Quer uma evidência disso? No mês de agosto a Renault inicia a entrega das 750 unidades do lote inicial do Renault Kwid E-TECH 100% elétrico. O compacto urbano, que teve suas reservas esgotadas em poucas semanas, chega com a missão de tornar a experiência do veículo elétrico cada vez mais acessível e presente no dia a dia do brasileiro.

Aqui no Brasil, o Kwid E-TECH vem para complementar a gama 100% elétrica da Renault que hoje conta com Zoe E-TECH e Kangoo E-TECH – mas que, muito em breve, também terá a Master E-TECH.

Vanguarda elétrica

Já faz mais de dez anos que a Renault assumiu a vanguarda da revolução elétrica e vem trabalhando na concepção, desenvolvimento, fabricação e comercialização de veículos 100% elétricos. Nesse período, todo o conhecimento adquirido nas pistas da Fórmula 1 foi fundamental para a evolução contínua da tecnologia E- TECH.

Não há como negar que a característica mais evidente e marcante dos modelos Renault E- TECH é a zero emissão de poluentes e gases formadores do efeito estufa. Dessa forma, eles atendem ao compromisso do Grupo Renault com o enorme desafio ambiental que a humanidade tem pela frente nas próximas décadas.

No entanto, a vanguarda elétrica da Renault vai muito além disso. Afinal, os avanços na mobilidade também precisam facilitar as nossas vidas – não o contrário. Por isso, os carros equipados com a tecnologia E- TECH são fáceis de dirigir, assim como a operação de carregamento das baterias é simples e intuitiva.

Assim, logo em primeiro contato, qualquer tipo de receio fica logo para trás. Em pouco tempo o consumidor percebe que um Renault 100% elétrico se adapta às necessidades do seu dia a dia, graças à flexibilidade de carregamento e confiabilidade da tecnologia E-TECH.

A experiência elétrica na prática

Opções para carregar as baterias do seu Renault é o que não falta. A operação pode ser feita em uma tomada doméstica (em uma tomada de 7kW, os carros 100% elétricos da Renault carregam de 0 a 100% em uma noite) ou por meio da instalação de uma caixa wallbox.

Além disso, é cada vez mais comum encontrar pontos públicos de carregamento – localizados, por exemplo, em shoppings, supermercados e postos de combustível. Além disso, a maior parte da rede de concessionárias Renault está equipada com estações de carregamento rápido - nelas, um Kwid E-TECH carrega de 0 a 80% em apenas 56 minutos.

Outro ponto que pode colocar uma pulga atrás da orelha do consumidor é a bateria. Mas a verdade é que não há com o que se preocupar. Os modelos 100% elétricos da Renault são equipados com baterias de íons de lítio, as mais eficientes do mercado na atualidade.

Elas não possuem efeito memória – ou seja, não viciam – e por isso podem ser parcialmente recarregadas a qualquer momento. Ou seja, você pode colocar o veículo para recarregar toda noite, independentemente da porcentagem da carga, sem prejudicar o seu desempenho ou vida útil.

O Renault Kwid E-TECH 100% Elétrico é o modelo recém lançado e possui uma economia muito acima de qualquer carro a combustão — Foto: Divulgação

Na ponta do lápis

A tecnologia E-TECH conta ainda com o sistema de frenagem regenerativa, que recarrega a bateria por meio da energia cinética – quando você alivia o pé do acelerador e quando você aciona os freios. Com esse sistema, você economiza a energia do veículo e consegue ampliar a sua autonomia – e, consequentemente, economizar na hora de recarregar.

O recém-lançado Renault Kwid E-TECH 100% ELÉTRICO, por exemplo, tem ótima eficiência energética por km rodado. Na ponta do lápis, isso quer dizer que ele é até 8 vezes mais econômico que um modelo de mesmo porte equipado com motor à combustão.

Por fim, o custo de manutenção também é uma incógnita fácil de decifrar. Carros elétricos possuem menos itens mecânicos quando comparados com os modelos de motor a combustão. Dessa forma, exigem menos intervenções periódicas e, consequentemente, tem um custo de manutenção menor.

E se além do custo você tem a sustentabilidade como uma de suas prioridades, não há com o que se preocupar. A Renault acompanha o ciclo de vida das baterias dos carros elétricos junto aos clientes e providencia o descarte correto e o seu encaminhamento para o processo de reciclagem.

Serviços de mobilidade

O primeiro lote do Renault Kwid E-TECH 100% ELÉTRICO se esgotou rapidamente, mas ainda é possível garantira a sua reserva por meio do e-commerce.

Além disso, o Kwid E-TECH já é uma das opções no sistema de pré-reserva do Renault ON DEMAND, o serviço de assinatura da Renault. Assim, o cliente poderá firmar um contrato e dirigir um veículo elétrico pelo tempo que desejar, com todas as vantagens que o serviço oferece.

E quais são essas vantagens? Quem assina um carro pelo Renault ON DEMAND pega o carro prontinho para rodar – sem preocupação com taxas, documentação, desvalorização, pesquisa e contratação de seguro, taxas de financiamento e custos de manutenção – por uma mensalidade fixa.

São soluções mais coerentes em relação aos modelos tradicionais de comprar e possuir um carro, contribuindo para um futuro mais sustentável. São veículos dedicados aos sistemas de carsharing e de soluções last-mile (o trecho final no deslocamento de pessoas e mercadorias) e de transporte sob medida.

Por tudo isso, a revolução elétrica na mobilidade humana já é parte do presente. Hoje em dia há mais de 450 mil carros da Renault equipados com a tecnologia Renault E-Tech circulando em todo o planeta.

Renault
Mais do TechTudo