Esports
Publicidade

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


A FunPlus Phoenix venceu a Paper Rex neste domingo (24) e levantou a taça do Valorant Masters Copenhagen 2022. A equipe da Europa não chegou como favorita na grande final e tinha a difícil missão de causar a primeira derrota em série da PRX na Dinamarca. Com uma excelente apresentação, principalmente do jogador Andrey "Shao" Kiprsky, a FPX ignorou o favoritismo adversário, foi superior na melhor de cinco partidas (MD5) e conquistou a vitória por 3–2, parciais de 13–3 na Bind, 7–13 na Icebox, 13–7 na Fracture, 7–13 na Haven e 13–9 na Breeze.

Além da taça, a FPX levou para casa o prêmio de US$ 200 mil (cerca de R$ 1,1 milhão na cotação atual). Apesar da derrota, a PRX ainda ficou com o prêmio de US$ 120 mil (cerca de R$ 660 mil) com o vice-campeonato. Confira, nas linhas a seguir, os destaques da série entre FPX e PRX e como ficou a tabela final de classificação.

FunPlus Phoenix soube se adaptar à excelente equipe da Paper Rex e conquistou o Masters Copenhagen 2022 — Foto: Divulgação/Valorant Champions Tour

👉 Queda de fps em jogos: como resolver? Tire dúvidas no Fórum do TechTudo

Mapa 1 (Bind)

Liderada por Andrey "Shao" Kiprsky (Sage), a FunPlus Phoenix ditou o ritmo da Bind nos primeiros rounds. Destaque para o round bônus da Paper Rex, no qual a FPX conseguiu se recuperar após um começo ruim e executou um excelente after plant com abates importantes de Pontus "Zyppan" Eek (Raze) para se manter dominante nessa primeira metade. Mesmo com pausas táticas, nada dava certo para a PRX na Bind. Para piorar, quando tinham uma rodada na mão com a vantagem numérica, Kyrylo "ANGE1" Karasov (Brimstone) chamou a responsabilidade para frustrar a PRX e manter a sequência da FPX.

O primeiro ponto da PRX veio apenas na última rodada dessa metade e no sufoco. Shao (Sage) quase fez o clutch para virar o lado um impressionante 12–0, mas Benedict "Benkai" Tan (Breach) evitou o desastre total para deixar sua equipe um ponto de honra na defesa. No segundo pistol, Shao (Sage) voltou a assegurar o ponto para sua equipe e a colocou no map point. A PRX ainda tentou resistir, mas a situação era praticamente irreversível, e a derrota chegou em um largo 13–3.

Com 3.9 de AMA e rodadas decisivas, Shao liderou a FPX à vitória na Bind — Foto: Divulgação/Valorant Champions Tour

Mapa 2 (Icebox)

Passado o atropelo na Bind, a Icebox apresentou um confronto um pouco mais equilibrado. Dessa vez, quem teve a vantagem inicial foi a Paper Rex, que foi superior no ataque e, apesar da derrota na rodada bônus da FunPlus Phoenix, se manteve à frente no marcador. Jing Jie "Jinggg" Wang (Sage) foi o jogador que buscou roubar os holofotes e, agindo como se estivesse jogando com um agente duelista, acumulou muitos abates, em especial quando fez um ace. A FPX ainda tentou voltar, mas não foi capaz de evitar a desvantagem de 9–3 nessa metade.

No segundo pistol, Jason "f0rsakeN" Susanto (Jett) trouxe o décimo ponto para a RPX ao vencer duelo final e 1v1 no retake. A FPX ainda surpreendeu na rodada seguinte e adquiriu recursos para diminuir a desvantagem no placar. Porém, a Icebox teve o domínio absoluto da RPX, que somente administrou sua vantagem para conquistar a vitória por 13–7.

Com sua Sage "maluca", Jinggg criou jogadas importantes para que a Paper Rex pudesse empatar a série — Foto: Divulgação/Valorant Champions Tour

Mapa 3 (Fracture)

Animada com a boa vitória na Icebox, a Paper Rex começou sem freio a Fracture, atropelando a FunPlus Phoenix sem perder jogadores no pistol. Em sua rodada bônus, a FPX devolveu o round perfeito com dois abates de abertura rápidos de Pontus "Zyppan" Eek (Raze) para sair do zero e adquirir a vantagem para virar o marcador e chegar ao 4–2. Foi quando a PRX encontrou a vitória em uma rodada econômica e equilibrou de vez o confronto nessa metade. A FPX teve a chance de ir para a virada de lados com a vantagem, mas Aaron "mindfreak" Leonhart (Viper) e Jason "f0rsakeN" Susanto (Neon) asseguraram o empate em 6–6.

No ataque, a FPX encontrou seu momento. Andrey "Shao" Kiprsky (Fade) voltou a ser decisivo, ajudou a colocar sua equipe com uma vantagem mais confortável na Fracture em 10–7. A RPX tentou se reinventar após uma pausa tática, mas a agressividade da FPX se sobressaiu nessa metade. Com um grande domínio no ataque, a equipe europeia fechou a Fracture em 13–7 e chegou ao tournament point.

FunPlus Phoenix SUYGETSU Masters Copenhagen 2022 — Foto: Divulgação/Valorant Champions Tour

Mapa 4 (Haven)

O começo da Haven foi uma enorme confusão, com ambas as equipes trocando rodada após rodada. Começou com a FunPlus Phoenix levando o pistol, a Paper Rex buscando a vitória em um econômico, e a FPX devolvendo logo em seguida. O mapa seguiu assim até a PRX se encontrar no ataque e fazer as primeiras sequências de vitórias para adquirir uma boa vantagem no marcador. A FPX ainda se recuperou e quase chegou ao empate em uma boa tentativa de clutch de Andrey "Shao" Kiprsky (Fade) na última rodada da metade, mas a desvantagem de dois rounds se manteve na virada de lados.

Na defesa, a PRX encurralou a FPX no segundo pistol e garantiu mais um ponto no econômico adversário. Depois, na rodada com ambas as equipes armadas, a FPX fez o plant e tinha a vantagem numérica, mas Aaron "mindfreak" Leonhart (Astra) fez um clutch genial para colocar sua equipe no 10–5. Shao (Fade) apareceu na rodada seguinte para mostrar que sabia fazer clutchs também e deu esperanças de virada para a FPX. No entanto, a PRX conseguiu a assegurar a vitória por 13–7 e forçar o último e decisivo jogo da série.

Clutch de mindfreak foi crucial para a PRX conquistar a vitória na Haven e forçar o quinto e último mapa da final — Foto: Divulgação/Valorant Champions Tour

Mapa 5 (Breeze)

No último mapa da final, a FunPlus Phoenix voltou a contar com seus destaques Andrey "Shao" Kiprsky (Sova) e Pontus "Zyppan" Eek (Skye) para fazer um retake heroico no pistol e trazer esse primeiro ponto. A Paper Rex quase respondeu com vitória em um forçado na rodada seguinte, mas se contentou somente em tirar muitas armas adversárias.

Quando a FPX chegou no 3–0 no marcador, a PRX mudou sua postura no ataque e passou a fazer entradas muito mais rápidas e agressivas e chegou à virada em 5–3 com mais um clutch de Aaron "mindfreak" Leonhart (Astra). No entanto, a FPX soube aproveitar de uma pausa tática e teve Ardis "ardiis" Svarenieks (Jett) crescendo no jogo para fechar a metade em 7–5.

Paper Rex arriscou uma composição exótica na Breeze, chegou a assustar, mas não evitou a derrota e o vice-campeonato — Foto: Divulgação/Valorant Champions Tour

Na virada de lados, o mesmo ardiis (Jett) quase trouxe um pistol impossível para a FPX no ataque, mas faltou tempo para executar o plant, e a RPX buscou esse importante ponto para colocar ainda mais emoção no confronto. Quando sofreu a virada no placar, a FPX acordou no ataque e começou a tirar a vantagem da RPX, que se perdeu completamente no confronto. Mesmo com uma pausa tática, a equipe asiática não conseguiu mais emplacar sua composição e viu os europeus dominarem os últimos mapas e vencerem a Breeze em 13–9 para levantar a taça na Dinamarca.

O Valorant Masters Copenhagen 2022 foi o segundo torneio Masters do ano. A competição reuniu 12 das melhores equipes do mundo no momento. Entre elas esteve a brasileira LOUD, que não teve um bom desempenho e foi eliminada ainda na fase de grupos pela OpTic Gaming, time que ficou com a terceira colocação no geral. O Masters na Dinamarca contou com uma premiação total de US$ 650 mil (cerca de R$ 3,5 milhões) e também pontos de circuitos, que já decidiram algumas das vagas para o Valorant Champions 2022.

Veja, na tabela abaixo, a classificação completa do Masters Copenhagen 2022 e a premiação recebida por cada participante:

Valorant Masters Copenhagen 2022 – Classificação final

Colocação Equipe Premiação Pontos de Circuito
FunPlus Phoenix US$ 200 mil (R$ 1,1 milhão) 1 mil
Paper Rex US$ 120 mil (R$ 660 mil) 750
OpTic Gaming US$ 85 mil (R$ 470 mil) 500
Fnatic US$ 65 mil (R$ 360 mil) 400
5°–6° Leviatán e DRX US$ 40 mil (R$ 220 mil) 300
7°–8° Guild Esports e XSET US$ 25 mil (R$ 140 mil) 250
9°–10° KRÜ Esports e Northeption US$ 15 mil (R$ 80 mil) 200
11°–12° LOUD e XERXIA US$ 10 mil (R$ 55 mil) 150

Com informações de Valorant Esports e Liquipedia

Veja também: Acabou de baixar Valorant? Confira dicas que todo o iniciante deve saber

Acabou de baixar Valorant? Veja dicas que todo o iniciante deve saber

Acabou de baixar Valorant? Veja dicas que todo o iniciante deve saber

Mais do TechTudo