Celular
Publicidade

Por Danilo Paulo de Oliveira, para o TechTudo

Divulgação/Xiaomi

O Xiaomi 12S Ultra superou o smartphone mais caro da Apple na atualidade, o iPhone 13 Pro Max, num teste que que mediu o desempenho dos principais celulares do mercado perante um dos games mais exigentes do momento: o Genshin Impact. O experimento ainda aferiu a temperatura dos aparelhos e a potência de cada processador. O Xiaomi ainda ficou na frente do iPad Air 5, lançado neste ano de 2022 com o chip M1, da Apple.

O iPhone 13 Pro Max estreou em setembro de 2021 com o processador Apple A15 Bionic, o mais rápido chipset para celular já desenvolvido pela Apple. Até hoje, o modelo ganha destaque pelo desempenho surpreendente, que desbancou até o Galaxy S22 em testes de benchmark. Especialistas alertam que o celular da Apple perde vantagem sobre Android à medida que chips concorrentes são aperfeiçoados.

O poderoso chip Apple A15 do iPhone 13 Pro Max não conseguiu alcançar os resultados do Xiaomi 12 em teste de game — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Os resultados do teste

O teste de estresse dos dispositivos envolveu dez minutos de execução do jogo Genshin Impact. A escolha pelo título se deve ao fato do game ser um dos que mais exigem do processador gráfico dos celulares. Isso ocorre porque nele há uma série de elementos gráficos e muitos detalhes ao mesmo tempo.

Tabela mostra resultados obtidos com teste de estresse em games; Xiaomi 12s Ultra dispara na frente de todos os smartphones concorrentes — Foto: Reprodução/Golden Reviewer

O experimento foi realizado pelo canal Golden Reviewer no YouTube. O celular da Xiaomi alcançou uma média de 57,7 quadros por segundo (fps), enquanto o iPhone 13 Pro Max ficou em 49,2 fps. O resultado só não foi melhor do que o obtido pelo iPad Mini 6. Equipado com o chip Apple A15, o tablet da Apple manteve uma média de 59,3 fps no game.

O teste revelou ainda que o Xiaomi 12S Ultra foi capaz de manter a temperatura em 42,3°C, um dos melhores resultados entre os aparelhos analisados. O Galaxy S21 Ultra, que conta com sistema de otimização de jogos, alcançou 47°C.

Confira abaixo o vídeo postado no YouTube

iPhone perde vantagem sobre Android

Apesar da diferença de desempenho entre topos de linha não ser geralmente percebida pelo usuário final no dia a dia, testes de benchmark costumam dar aos iPhones a medalha de detentor do chip mais rápido em um smartphone.

Xiaomi 12S Ultra impressiona por desempenho — Foto: Divulgação/Xiaomi

No entanto, ao que tudo indica, essa liderança está prestes a ser superada (pelo menos em números), é o que dizem especialistas. Em março de 2022, o TechTudo já havia noticiado que o Dimensity 9000 (MediaTek) conseguiu superar processadores Exynos (Samsung) e o Snapdragon 8 Gen 1 (Qualcomm), batendo de frente com o A15 Bionic da Apple.

O iPhone 13 Pro Max foi lançado no Brasil em setembro de 2021 pelo preço inicial de R$ 10.499, mas já pode ser encontrado na Amazon por R$ 7.199. O Xiaomi 12S Ultra ainda não foi lançado no país. Lá fora, os valores começam em U$ 890, o que dá R$ 4.819 em conversão direta.

Com informações de PhoneArena

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques. Os valores indicados no texto são referentes ao mês de julho de 2022.

Mais do TechTudo