Jogos de luta
Publicidade

Por Felipe Vinha, para o TechTudo


Project L, jogo de luta da Riot Games inspirado por League of Legends, será gratuito para jogar. A produtora divulgou, nesta segunda-feira (1), um vídeo de atualização de desenvolvimento, mas ainda não revelou data lançamento e nem mesmo plataformas. A empresa alega que quer tornar Project L acessível, para “que todos possam jogar, não importa onde e como”, e com “monetização respeitosa”. O vídeo revelou ainda a adição de mais uma personagem, Illaoi, a Sacerdotisa Cráquem, que já está presente no game original e que aqui deve ser representada de maneira fiel.

Vale lembrar que o Project L foi anunciado em 2019, como um game de luta 2D no estilo Street Fighter, mas com poucos detalhes além da premissa básica. Além de Illaoi, outros seis campeões estão confirmados: Ryze, Jinx, Ahri, Katarina, Darius e Ekko.

Project L vai ser de graça e não deve exigir muito da sua carteira, segundo Riot — Foto: Divulgação/Riot Games

👉 Qual o melhor jogador brasileiro de League of Legends? Opine no Fórum do TechTudo

Tom Cannon, designer responsável pela liderança de desenvolvimento do Project L, explica no vídeo que planeja tornar o jogo uma experiência agradável para todos. “Se a gente não gosta, não vamos usar”, diz, em referência a esquemas de monetização predatórias, que exigem muito dinheiro para se divertir em games gratuitos.

Cannon também quer garantir que o Project L seja um título agradável e digno para a comunidade de jogos luta, incluindo a cena profissional mundial, conhecida como “Fighting Game Community”. Por isso a ideia é sempre ser respeitoso “com seu tempo e sua carteira”, também segundo o desenvolvedor. O vídeo pode ser visto abaixo, ative as legendas oficiais em português:

Project L segue em testes

Estima-se que o Project L esteja em produção desde 2016, ainda que sua revelação oficial tenha sido apenas em 2019. Como é possível ver no vídeo, o jogo passa por uma extensiva fase de testes internos e com público limitado, como criadores de conteúdo e influenciadores internacionais, parceiros da Riot Games.

A jogabilidade se assemelha bastante a outros títulos atuais do gênero. Ele vai se beneficiar da história já estabelecida de League of Legends e seus personagens famosos, que devem usar golpes e ataques tradicionais, conhecidos dos fãs. Jinx, por exemplo, usa sua "Pow-Pow", a metralhadora, para atacar oponentes.

Project L é apenas um dos muitos projetos que a Riot Games está desenvolvendo no momento, como atualizações constantes de Valorant e o próprio League of Legends, além dos RPGs Convergence e Song of Nunu.

Com informações de Twinfinite e YouTube

Mais do TechTudo