Video game

15/02/2011 15h43 - Atualizado em 14/07/2011 07h03

Hacker que roubou dados de 4 mil usuários da Nintendo é preso

Rafael Silva
por
Do Tecnoblog

Os hackers tentam se aproveitar de toda e qualquer forma que puderem encontrar para ganhar fama e fortuna. Eles publicam seus nomes em sites alterados, invadem computadores e servidores, roubam dados e vendem, ultrapassando quase sempre a barreira da legalidade. Essa semana, no entanto, um deles se deu mal ao tentar chantagear a fabricante do Wii.

nintendo wii (Foto: Divulgação)nintendo wii (Foto: Divulgação)

Um hacker enviou no começo da semana uma mensagem à Nintendo avisando que tinha conseguido uma base de dados contendo mais de 4 mil nomes dos seus usuários, provavelmente de alguma forma pouco lícita. Ele ameaçou a Nintendo dizendo que liberaria os dados publicamente na internet, para então acusar para a agência nacional de privacidade da Espanha que a fabricante de games tinha sido negligente com a segurança dos dados dos seus clientes.

A Nintendo não cedeu à pressão e não deu outra. O hacker começou a liberar alguns dos dados que tinha obtido, mas foi prontamente identificado. A polícia não divulgou seu nome, mas garante que ele foi preso na provícia de Málaga, na Espanha. Ainda não se sabe como o hacker obteve os dados, mas existem suspeitas de que foram por meio de uma empresa terceirizada contratada pela Nintendo.

Como o caso ainda está sob investigação da polícia espanhola, a Nintendo preferiu não comentar publicamente.

Via BBC
 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares