Armazenamentos

11/02/2011 17h27 - Atualizado em 14/07/2011 07h03

Logitech do Japão apresenta o HD Wireless LDE-WIHD101TR

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Você tem a sua TV LED de última geração, com um belo Home Theater. Para levar esses itens para sua casa, você economizou por um bom tempo, se privando do direito de adquirir outros gadgets. Mas aí, quando você acaba de instalar o produto que vai levar alegria para sua casa, você recebe por e-mail a notícia que uma nova tecnologia é apresentada lá fora, e seu equipamento acaba de se tornar obsoleto.

HD Wireless da Logitech (Foto: Divulgação)HD Wireless da Logitech (Foto: Divulgação)

Tudo bem, é um risco que todos que compram produtos de tecnologia correm, e isso não fica restrito aos equipamentos sonoros. Porém, o sentimento de frustração é igualmente universal. Mas há pelo menos um fabricante que se preocupa com o consumidor, pensando em diminuir esse pesar. A Logitech anunciou no Japão o HD Wireless LDE-WIHD101TR, que é um dispositivo que torna compatível equipamentos de áudio e vídeo mais “antigos” com a nova tecnologia de transmissão de dados multimídia da Intel, o WiDi.

Com essa tecnologia, você pode transmitir conteúdos de áudio e vídeo, de modo sem fio e com alta qualidade, entre os equipamentos compatíveis com o WiDi, como computadores e televisores. O produto da Logitech atua como uma espécie de transmissor/receptor de conteúdos em alta definição entre os dispositivos multimídia da casa e computadores em um raio de até 10 metros. Um dos diferenciais do modelo da Logitech é que ele é capaz de fazer o streaming de conteúdos em 3D, tornando o produto ainda mais atraente.

O Logitech LDE-WIHD101TR é um lançamento exclusivo para o Japão, mas torcemos para que a empresa o promova para outros mercados. Ele deve chegar nas lojas japonesas em março.

Via: Akihabara

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares