Armazenamentos

01/02/2011 16h30 - Atualizado em 14/07/2011 07h05

Novo HD super compacto da Toshiba com 220GB

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

No mundo da tecnologia, quanto menor, e com maior capacidade, melhor. Seguindo essa máxima, a Toshiba anunciou o lançamento de uma nova série de HDs ultra-compactos, a MKxx39GS series, de 1.8 polegadas e interface SATA. O produto não se destaca só no tamanho, mas também por possivelmente ser o primeiro da sua categoria a incluir nas suas especificações o conector LIF (Low Insertion Force).

HD Toshiba de 220 GB (Foto: Divulgação)HD Toshiba de 220 GB (Foto: Divulgação)

Para quem não conhece essa tecnologia, a Low Insertion Force é um sistema que determina uma menor força de contato no slot de conexão do disco rígido, facilitando a sua instalação ou troca quando necessário, reduzindo assim os custos de fabricação e evitando problemas para o usuário, como quebras.

Não que os usuários menos experientes vão passar a trocar os discos rígidos de seus netbooks a qualquer hora, mas que pelo menos terá meio caminho andado quando precisar realizar a tarefa.

Além dessa particularidade, a Toshiba informa que o seu novo disco, que possui velocidade de 4.200 rotações por minuto, possui um buffer de 16 MB, e um consumo de apenas 0,35 watts no modo de standby, reforçando o seu objetivo de estar presente em dispositivos ultra-portáteis, como tablets, netbooks e até players portáteis, uma vez que ele promete economizar alguma bateria no seu uso diário.

Outras vantagens desse novo HD da Toshiba é que, por ser menor, ele se comporta melhor com as vibrações, além de ter uma menor geração de ruído. O disco possui dimensões de 71 x 54 x 5 mm, com um peso de apenas 48 gramas. Estará disponível nas capacidades de 160, 200 e 220 GB. Seu preço não foi revelado, mas a Toshiba informa que começa a distribuição do produto no mercado internacional no mês de fevereiro.

Via: Electronista

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares