04/04/2011 11h43 - Atualizado em 14/07/2011 06h56

Brincadeira de 1º de abril do Gmail Motion vira realidade com Kinect

Bruno do Amaral
por
Para o TechTudo

Era para ser apenas uma brincadeira de 1º abril, mas a ideia do Gmail Motion divulgada na sexta-feira pelo Google foi levada ao pé da letra. Inspirados na pegadinha do gigante da web, pesquisadores pouco ocupados do laboratório MxR do Instituto de Tecnologias Criativas (ICT, na sigla em inglês) da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, utilizaram o sensor de movimentos do Kinect para colocar em prática o mesmo conceito estapafúrdio de comandar o webmail com gestos absurdos.

Liderada pelo engenheiro Evan Suma, a equipe utilizou o acessório da Microsoft para o Xbox 360 modificado para uso em um computador para controlar o Gmail. A pesquisa foi batizada de SLOOW, brincadeira com a palavra “slow” que em inglês significa “lento”, mas que aqui é uma sigla para “Biblioteca de software otimizando aceno obrigatório”. Na verdade é uma contrapartida à tecnologia FAAST (sigla para “ferramentas de atividade flexível e esqueleto articulado” que ainda pode ser lida como “rápido”), também criada pelo MxR para controlar o game World of Warcraft.

Mas a ideia foi colocar os mesmos movimentos da brincadeira do Dia da Mentira. Ou seja: para acessar um e-mail, faça o movimento com as mãos como se estivesse abrindo um envelope. Para responder, coloque o polegar em riste e jogue o braço para trás. Escreva fazendo movimentos corporais (no exemplo ele escreve “cabeça” apontando para a própria). E um dos mais absurdos: para enviar uma mensagem, finja que está lambendo um selo e bata na sua perna. Tudo isso realmente funcionando graças às câmeras do Kinect.


Claro que também é uma brincadeira dos laboratórios do ICT, mas pensar que a tecnologia disponível aos consumidores já é capaz de realizar esses absurdos deve ter surpreendido até mesmo o Google.

Via: Mashable

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares