14/04/2011 18h23 - Atualizado em 14/07/2011 06h54

Top 5: Os Piores erros da Microsoft

Bruno do Amaral
por
Para o TechTudo

A Microsoft é uma grande empresa de tecnologia, conhecida por dominar o mercado de sistemas operacionais para computadores com o popular Windows. Mas ela é também uma das companhias mais criticadas, tanto por conta de suas práticas comerciais quanto, principalmente, pelos seus malfadados bugs em softwares que tanto irritam usuários.

Ao longo da história da companhia, fundada em 1975 pelo então adolescente Bill Gates, muitas gafes aconteceram nos momentos mais impróprios, como a infame aparição da tela azul "da morte" durante o anúncio do Windows 98, que envergonhou o seu já famoso presidente (confira no vídeo abaixo). Mas falaremos aqui de erros de planejamento e execução, coisas que poderiam ter saído muito melhor se a empresa tivesse pensado um pouco melhor nos produtos.


Portanto, o Tech Tudo orgulhosamente apresenta os cinco piores erros da Microsoft. Se você tiver outra opinião ou gostaria de citar mais casos, fique à vontade para usar nossos comentários.

Erro 5 - Windows Millennium Edition

O Windows ME já começou errado. O sistema operacional foi lançado em setembro de 2000 com um nome brega e datado para substituir o Windows 98, versão mais avançada do software até então. No entanto, ele não conseguiu cumprir o papel e foi solenemente ignorado pelos usuários.

Windows ME  (Foto: Wikicommons)Windows ME (Foto: Wikicommons)

O sistema trouxe algumas inovações, como o suporte nativo ao MP3 (na época, ainda uma novidade), assistente de criação de redes domésticas e o necessário recurso de Restauração do Sistema. Mas sua instabilidade e incompatibilidade com alguns recursos que utilizavam o DOS fez com que o software ganhasse o apelido de Windows "Mistake Edition" (ou "Edição Erro", em português). Era difícil até mesmo instalar o programa no computador, e o infame som de erro era frequente.

E ele não durou muito também. Pouco mais de um ano depois de ser lançado, o ME foi substituído pelo Windows XP, uma das versões de maior sucesso da Microsoft, responsável por trazer vários recursos novos e uma interface completamente renovada. Pelo menos a empresa se recuperou logo do erro, ao contrário do que aconteceu com o nosso quarto colocado.

Erro 4 - Windows Vista

Muita gente ama o Vista. Atualmente na versão 6.0 e com o pacote de atualizações Service Pack 2, o sistema operacional está com usabilidade e estabilidade comparável ao do Windows 7. Mas o fato é que o sistema operacional precisou passar por muitas correções para solucionar problemas que o perseguiam desde a época do seu lançamento, em janeiro de 2007.

Windows Vista (Foto: Divulgação)Windows Vista (Foto: Divulgação)

Conhecido como "Longhorn" pela Microsoft, quando foi anunciado em julho de 2005, o software tinha a difícil missão de substituir o bem sucedido Windows XP, lançado em 2001. A demora entre as duas versões do sistema gerou expectativas imensas, e as mudanças não foram tão bem recebidas, a começar pelo grande problema de incompatibilidade. Quando finalmente chegou ao mercado, o Vista contava ainda com poucos softwares desenvolvidos para rodar perfeitamente no sistema. Como o XP era ainda a plataforma dominante, muitos usuários ficaram frustrados por não poderem simplesmente usar os seus programas preferidos sem gambiarras.

Outra grande dor de cabeça era a configuração necessária para rodar. Ao contrário do que afirmavam as fabricantes de computador da época, poucas máquinas eram capazes de exibir todas as novidades gráficas e ferramentas que o Vista prometia. Na ocasião, era um sistema pesado e de difícil usabilidade, o que fez muitos usuários - e até mesmo empresas - preferirem permanecer com o XP. Pelo menos assim foi até a chegada do Windows 7.

Erro 3 - Tablets? Que é isso?

Desejo de consumo dos tecnófilos atualmente, os tablets viraram febre no mercado com grandes empresas investindo forte para combater o atual domínio da Apple com o iPad. E quem ficou de fora? Isso mesmo, a Microsoft, que tem participação praticamente inexistente na plataforma.

A Hewlett-Packard chegou a anunciar que iria fabricar o tablet Slate rodando Windows 7, durante uma conferência do diretor-executivo da Microsoft, Steve Ballmer, na CES 2010, nos Estados Unidos. De fato o produto chegou a ser produzido, mas ninguém nem notou. E a HP vai investir mesmo é no TouchPad, que chegará às lojas com o sistema WebOS, da antiga Palm.

Isso acontece também porque o Windows 7 é essencialmente um sistema para computadores comuns. O máximo de flexibilidade dele é ser instalado em um netbook, mas ainda assim há restrições. O fato é que o software não tem grande usabilidade com a obrigatória interface touchscreen dos tablets, dificultando muito o seu uso. Veja o vídeo oficial da HP Slate clicando abaixo e tire suas próprias conclusões.


O Windows Phone 7, por sua vez, que poderia ser uma opção muito mais adequada para a plataforma, não convenceu ainda (muito menos o praticamente finado Windows Mobile 6.5). Talvez com o investimento forte da Nokia a partir do final do ano (ou começo de 2012) a situação melhore, mas ainda não há nem sinal de um aparelho com o sistema. Enquanto isso, a Microsoft só poderia observar a Apple, Samsung, Motorola e a própria HP assumindo a liderança desse valioso mercado. Aparentemente a situação deve mudar agora, depois que, durante o último keynote da Microsoft, foi revelada uma versão do Windows 7 para processadores ARM, mas isso ainda não é garantia de nada.

Erro 2 - Internet Explorer 6

Na verdade, esse não chega a ser um fracasso. O navegador foi o mais utilizado até 2009, mesmo tendo sido lançado em agosto de 2001 e com duas versões superiores já no mercado. Provavelmente foi a iniciação de muita gente à internet, em uma época em que computadores e internet começaram a se tornar uma realidade no Brasil.

Internet Explorer 6 (Foto: Wikicommons)Internet Explorer 6 (Foto: Wikicommons)

O problema foi justamente a estagnação. O IE6 só foi ter um substituto em 2007 e, mesmo assim, não perdeu o trono. O browser só foi perder o primeiro lugar com a chegada do Internet Explorer 8 no ano seguinte. Mas dar tanto tempo para a concorrência não foi uma boa ideia.

Com constantes problemas de segurança (é o alvo preferido de worms, vírus e trojans até hoje), performance lenta e considerado pesado, o IE6 perdeu muito espaço com a chegada de alternativas entre os navegadores. O maior concorrente foi o Firefox, da Fundação Mozilla, que aproveitou para ganhar popularidade e se tornar o segundo browser mais utilizado. Outros vieram no embalo, como o Google Chrome e mesmo o Opera.

Obsoleto, o Internet Explorer 6 foi até mesmo alvo de uma campanha da Microsoft para seu desuso. A companhia incentivou a atualização para versões mais modernas do navegador, tamanha era a resistência de usuários e a vulnerabilidade do software obsoleto.

Erro 1 - Bing

Não estamos falando mal do sistema de buscas da Microsoft. Mas sim de, mais uma vez, a empresa ter sido negligente no mercado e ter observado rivais aparecerem com produtos eficientes. Nesse caso, a companhia praticamente permitiu a criação de um de seus maiores oponentes: o Google.

Bing  (Foto: Reprodução)Bing (Foto: Reprodução)

Com a popularização da internet, grandes mecanismos de busca foram criados. Até 1998, as maiores empresas no setor eram Altavista e Yahoo. Aí chegou o Google, fundado por Larry Page e Sergey Brin, com uma estratégia agressiva e trazendo bons algoritmos para mostrar resultados mais eficientes. E daí à sua popularização foi apenas um salto, tornando-se líder absoluto e eventualmente enveredando para outras áreas, como sistemas operacionais (Chrome OS e Android) e softwares baseados na web (Gmail e Doc), enfrentando a própria Microsoft.

Foi só em 2009 que a gigante do Windows, capitaneada por Steve Ballmer, resolveu se mexer e lançar o Bing, de fato um eficiente motor de busca. Hoje, a ferramenta já começa a incomodar o Google, alcançando 30% do mercado, contra 64% do rival.

Mas, nas palavras do próprio Ballmer, levou-se muito tempo para uma reação. "Eu provavelmente diria que teria começado antes", disse na ocasião do lançamento do Bing. E pode até ser tarde demais, já que muitos acreditam em um futuro dominado pelos tablets e smartphones, no qual a participação da Microsoft ainda é muito pequena. Certamente não é o que imaginou Bill Gates quando escreveu o best-seller A Estrada do Futuro, em 1995.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Alaor Neto
    2011-04-17T22:02:18

    Não vejo como o Bing e o Vista podem ter sido erros. Quanto aos tablets, a Microsoft tinha muitos projetos no início dos anos 2000, claro que era um conceito ainda longe do que são os tablets hoje, mas tudo foi visto com muita desconfiança e não foi a frente. O iPad também sofreu o mesmo no início, mas o marketing da Apple e seus fiéis usuários que insistiram no projeto conseguiram mostras que havia sim utilidade neste tipo de aparelho. Mas a Microsoft dificilmente perde quando entra pra ganhar, mesmo chegando tarde, tablets e telefones ainda darão muito lucro pra ela no futuro, imagino.

  • Bruno Nunes
    2011-04-16T11:27:32

    Agora o Bing nunca foi um erro, pelo contrário. Desde que o Bing foi criado várias inovações tem aparecido e o mecanismo de busca tem se tornado cada vez melhor, alem disso a busca deixou de ser aquilo o que fazemos quando estamos no google. Ela é muito mais dinamica e voltada ao contexto. E por isso vem ganhando mercado todo mês. Se a Google demorar muito a se mexer, vai ver o seu ÚNICO ativo, perder espaço para o concorrente.

  • Bruno Nunes
    2011-04-16T11:27:02

    O Windows Phone 7 apesar de ter chegado atrasado, possui um execelente sistema operacional e prova que a Microsoft ainda está no jogo e é uma questão de tempo até bater de frente com a Google e Apple.

  • Bruno Nunes
    2011-04-16T11:22:57

    Concordo com alguns erros, mas nao nos argumentos. Acho que o texto está mal fundamentado. Na questão dos tablets, apesar de muito atrasado, a Microsoft já está desenvolvendo o novo sistema operacional que terá duas interfaces, uma feita para o PC desktop e outra para dispositivos portateis. O SO será apenas 1 o que dará uma grande vantagem em relação aos competidores. O que temos hoje de tablet é apenas para suprir as necessidades de quem precisa do windows para executar suas tarefas, o que são poucos hoje em dia, visto que a maioria só precisa de um tablet para acessar internet e ler emails

  • Koiti Takahashi
    2011-04-16T00:45:43

    Justiça seja feita, o autor criou um top 5 erros da Apple também. Tão ruim quanto este da Microsoft. http://www.techtudo.com.br/rankings/noticia/2011/04/top-5-os-piores-erros-da-apple.html Conclusão, use seu PC, ouça seu iPod, busque informações na Google, mande e-mails por hotmail, gmail, ou Ymail, troque mensagem pelo Messenger, jogue XBox e fale no seu iPhone (se tiver grana para ter um - senão, fique com um Android baratinho).

  • Koiti Takahashi
    2011-04-16T00:36:13

    Apple criou o iPod, o melhor player de MP3 do mercado? Não exatamente. O iPod se quer equalizador tinha. Mas os serviços que o usuário tinha com o iPod, ou seja, iTunes e iTunes store revolucionou o mercado de vendas de música a ponto de se tornar a maior vendedora de música nos EUA. O sucesso dessas duas empresas se devem ao mérito de terem criado o mercado. A necessidade por um iPod, iPad, iPhone se criou a partir da existência deste. Exigir da Microsoft revolucionar e criar novos mercados a todo momento é banal. Pq não dizer que o Orkut foi um erro da Google? Já que Facebook é mil x maior?

  • Koiti Takahashi
    2011-04-16T00:29:19

    O autor dizer que a Microsoft perde espaço para Motorola, HP, Samsung por causa de tablet é o atestado de ignorância. HP e Samsung são OEMs parceiras da Microsoft. No campo de tablet, a Motorola ressurgiu das cinzas graças ao Android da Google. Samsung lança tablets com o Android e a HP com o WebOS. Google criou um mercado que revolucionou o modelo de advertisement. Antes, anunciantes investiam em propaganda sem métricas para sua eficiência. Google criou todo um novo mercado cobrando dos anunciantes somente se os usuários clicarem no link patrocinado. Criou AdWords, leilão de palavras...

  • Koiti Takahashi
    2011-04-16T00:15:13

    Sinceramente, não sei qual o intuito do autor em mencionar os "erros" da Microsoft. Uma empresa do porte da Microsoft ter produtos que foram um fiasco (Zune, Windows ME, Windows Vista) é mais do que normal. A Google teve sucesso com o Wave e o Buzz, Chrome OS? Orkut só faz sucesso aqui no Brasil. GTalk apanha feio pro Live Messenger. Google Docs não faz nem cócegas ao Office. A Apple existe desde 1976. Porque que vcs não usavam Apple II, Macintosh, iMac? O iWork é um sucesso? Safari? A maioria não sabe nem em qual versão ela está. O único comentário decente até agora é do Vágner...

  • Bárbara Rocha
    2011-04-15T12:09:23

    Tudo da microsoft tem uma pitada de fracasso... Tudo deles é meio mal-feito, mal pensado, sempre cheio de bugs. Não é à toa que eles têm que se virar depois pra consertar todos os erros com milhões de SP e atualizações gigantescas... Não é bem feito.

  • Bruno Nader
    2011-04-15T09:12:57

    E o Zune?? Fracasso tão grande, tão ignorado, que foi esquecido da sua lista!!

  • Fabricio Souza
    2011-04-15T08:29:05

    Nossa show, o top 5 concordo com você eles deveriam ter pensado mais e olhar mais o mercado,na minha opinião o pior de todos foi o Windows Vista. Eu sou a favor usar qualquer sistema deis de que atenda a minha necessidade.

  • Vágner Silva
    2011-04-15T08:20:12

    André, lavagem cerebral é usar Mac. Eu uso o que atende melhor, seja windows, mac, linux, webOS, Android e o que vier, não me interessa quem fabrica e somente se posso fazer o que eu quero. Libertas que será tamem.

  • Brown
    2011-04-14T21:16:11

    Não concordo na afirmação que o IE6 é pesado

  • Luiz Sereno
    2011-04-14T19:39:50

    Concordo com o Bing, mas o Windows Vista é milhões de vezes melhor que o XP. No último, por exemplo, para localizar um arquivo, você tinha que buscar manualmente ou ir no localizar. No Vista, basta você clicar no botão Iniciar e digitar o que você quer. Isso é só um exemplo, que o torna muito mais prático.Nunca tive problema com Vista, não sei por que ele é tão criticado!

  • Eric Blanco
    2011-04-14T22:13:52

    realmente pro vista se tornar um sistema de fácil uso demorou muito tempo e realmente seu lançamento foi um fracasso total, eu mesmo demorei muito pra conseguir usar ele, experimenta o 7 e vai ver que realmente o vista é um trator. Sobre o IExplorer 6 ser um fracasso não concordo, na verdade acho o melhor navegador da microsoft em termos de velocidade, pra mim fracasso foi do IExplorer 7 ao 9 só não digo nada sobre o 10 pois não testei e nem quero, não troco o Chrome por nenhum deles e o Bing foi realmente um tiro de misericórdia, acho a pagina muito bonita visualmente mais pouco funcional

  • Renann Ferreira
    2011-04-14T22:02:55

    O Vista tem um erro no calendário da sidebar, em 2010 tem um mês que tem a data repetida.