Video game

18/05/2011 12h23 - Atualizado em 14/07/2011 06h47

Hackers apontam como servidores da Sony eram obsoletos

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

Que roubar é errado e ninguém deveria fazê-lo, todos sabemos, mas quando saímos, trancamos a porta de nossas casas mesmo assim. O grupo hacker Anonymous apontou, no entanto que um dos motivos que pode ter levado à invasão da PlayStation Network é que a Sony vinha deliberadamente deixando sua porta destrancada pelos últimos cinco anos. 

PlayStation Network estaria utilizando software desatualizado (Foto: Divulgação)PlayStation Network estaria utilizando software desatualizado (Foto: Divulgação)

A revista alemã Computer Bild disse ter recebido dados do grupo hacker Anonymous, o qual está em uma vingança pessoal contra a Sony, nos quais havia informação sobre dados dos servidores da PlayStation Network, a qual utilizava versões defasadas desoftwares, assim comprometendo a segurança do serviço e dos dados de seus usuários. 

“Por exemplo, o serviço OpenSSH 4.4 foi usado para encriptar dados de comunicação. A versão atual, no entanto é a 5.7. A versão usada pela Sony tem falhas de segurança que já são conhecidas por cinco anos”, disse a Computer Bild, apontando também para o servidor Apache 2.2.10, vulnerável a ataques DDOS como os que atingiram a rede. 

A revista afirmou: “Parece que a gigante corporativa não considerou a segurança do seu servidor como algo tão importante – ou simplesmente dormiu no volante”. Um representante da Sony na Alemanha respondeu às acusações dizendo apenas: “Eu não estou ciente de qualquer software obsoleto ou desatualizado no servidor”. 

No Japão, o Ministro da Economia, Comércio e Indústria, Kazushige Nobutani, ainda não permitiu que a rede fosse restaurada até que a Sony pudesse garantir que as medidas de segurança que tomou estavam em vigor e eram suficientes para proteger os usuários de novos problemas do gênero. 

O grupo Anonymous iniciou o primeiro ataque à PlayStation Network, tirando-a do ar por algum tempo, mas pararam quando disseram ter visto que isso só prejudicava os usuários. Logo em seguida, ataques subsequentes culminaram no roubo de dados pessoais, incluindo dados de cartão de crédito, os quais o grupo nega autoria, dizendo não serem condizentes com sua doutrina. 

Via Eurogamer

Thor (Foto: r)
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares