Sistemas Operacionais

12/05/2011 10h56 - Atualizado em 14/07/2011 06h49

MiMedia: Faça backup de até 7 GB dos seus arquivos na nuvem, sem pagar nada

Marcell Almeida
por
Para o TechTudo

Existem vários serviços de hospedagem e de backup na nuvem populares, mas uma nova alternativa foi lançada recentemente. O mais novo serviço baseado na nuvem se chama MiMedia. O serviço possui um plano grátis que oferece 7 GB de espaço de armazenamento. Porém, você pode optar pelo plano pago de 250 GB, 500 GB ou 1 mil GB, que custam US$ 9,99, US$ 20 e US$ 35 por mês, respectivamente.

MiMedia. (Foto: Reprodução/ MiMedia)MiMedia. (Foto: Reprodução/ MiMedia)

Embora você possa usar seu espaço de armazenamento para qualquer tipo de arquivo, o serviço é fortemente focado para o streaming de músicas. Após o login, a primeira coisa que um usuário vê é uma barra na parte superior da página escrito "Now Playing" e controles de um player.

Na teoria, o serviço é interessante, mas ainda precisa de alguns ajustes. Como, por exemplo, não é possível carregar MP3s diretamente para a pasta "Música". É preciso navegar um pouco para chegar ao botão "Upload". Mas isso deve ser aprimorado com o tempo, afinal, o serviço não possui nem uma semana de mercado.

Além dos 7 GB de armazenamento gratuitos e capacidade de reproduzir músicas e vídeos via streaming, MiMedia oferece recurso de compartilhamento de arquivos via aplicativo para iPhone e iPad.

Até o momento, o aplicativo está disponível apenas para Windows, mas a MiMedia afirmou que eles esperam lançar um aplicativo para Mac OS X ainda este ano. Já o Linux não foi mencionado pela empresa.

É díficil acreditar que serviços como este oferecem tanto espaço de armazenamento gratuito com tantas características boas. Mas é a tendência atual. Crie já a sua conta no MiMedia clicando aqui.

Via: Punto Geek

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares