10/05/2011 17h09 - Atualizado em 14/07/2011 06h49

Motorola Gleam, a ressurreição do velho Razr?

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Recordar é viver, certo? Muito bem, vamos voltar ao ano de 2004. Não vamos perder muito tempo lembrando dos acontecimentos daquele ano, e vamos nos focar em um aparelho que fez um certo barulho, por causa de seu design arrojado, e do seu tom black piano que chamava a atenção de muitos. Estamos falando do Motorola Razr, que teve seus adeptos no mercado. Agora, voltemos para 2011, para conhecermos o Motorola Gleam, um verdadeiro sucessor do velho Razr.

Motorola Gleam, qualquer semelhança (não) é mera coincidência (Foto: Reprodução)Motorola Gleam, qualquer semelhança (não) é mera coincidência (Foto: Reprodução)

O Motorola Gleam, se não é idêntico, é muito parecido com o Motorola Razr. E seu principal destaque parece ser mesmo o formato, pois suas especificações são bem modestas. É um telefone que não possui um sistema operacional Android integrado, e sim, uma simples firmware (como os modelos mais simples da Motorola). Sua câmera tem míseros 2 megapixels de resolução, sua capacidade de armazenamento é de apenas 32 MB de memória flash, e 16 MB de RAM.

Outros recursos do aparelho que mostram claramente que a proposta é ter muito estilo, mas com o foco direcionado nas faixas mais populares de consumidores. Ele possui tela QVGA de 2,4 polegadas, e tem como principais recursos o envio de mensagens de texto, MMS e e-mails. Para vocês terem uma ideia da simplicidade de recursos do aparelho, sua navegação é em WAP 2.0.

A verdade é que esse é o celular perfeito para quem quer algo bonito, mas que só faça e receba ligações, mande mensagens SMS e tire algumas fotos para serem enviadas em MMS (o que vai ser difícil, com uma conexão WAP). Será que veremos o produto por aqui? Não sabemos. Lá fora, ele não vai vingar. Dependendo do seu preço, vale mais adquirir um aparelho com Android ou Bada, com uma gama de recursos muito maior que o elegante, porém simplório, Motorola Gleam.

Via Pocket-Lint

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares