05/05/2011 11h54 - Atualizado em 14/07/2011 06h50

Nintendo quer apelar ao ocidente e diz que Kinect não afeta Wii

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

Recentemente Satoru Iwata (presidente da Nintendo) esteve em uma reunião com os investidores japoneses da empresa explicando suas direções e o que acredita que está acontecendo no mercado, dizendo que não estão perdendo espaço para outros controles de movimento, como o Kinect, mas que precisam apelar mais ao mercado ocidental. 

Satoru Iwata, Presidente da Nintendo e o Nintendo 3DS (Foto: Divulgação)Satoru Iwata, Presidente da Nintendo e o Nintendo 3DS (Foto: Divulgação)

“Eu acho que a imagem do Xbox 360 da Microsoft é largamente diferente entre cidadãos japoneses e cidadãos americanos”, disse o Presidente, e continuou: “Eu acho que posso dizer que os negócios do Xbox 360 tem estado em boas condições desde o último verão”. 

Mas ressaltou: “Por outro lado, quando nós falamos se o Kinect contribuiu significantemente expandindo o número de usuários de Xbox, como eu mostrei previamente neste gráfico de dados, o número de usuários do Wii cresceu por volta de 10 milhões, mas o crescimento no número de usuários da Microsoft é muito menor” 

“Seria bem incomum se o mercado do Nintendo Wii fosse tomado pelo lançamento do Kinect, ou se os usuários que estavam jogando com o Wii subitamente parassem de jogar com ele e começassem a jogar com outros consoles”, terminou Satoru Iwata. 

Kinect (Foto: Divulgação)Kinect (Foto: Divulgação)

Tirado isso do caminho, o presidente parecia especialmente preocupado com questões globais de desenvolvimento: “Houve uma era no passado, que foi até a época do PlayStation 2, quando jogos feitos no Japão vendiam bem por todo o mundo. No entanto, eu acho que, através dos últimos três ou quatro anos, a presença de desenvolvedores de software japoneses se tornou relativamente pequena” 

E explicou extensivamente sobre o assunto: “A Nintendo faz o que desenvolvedores no ocidente não fazem, então o software da Nintendo está vendendo relativamente bem também em países estrangeiros, mas para o software orientado aos jogadores entusiastas, como “Call of Duty“, os que são criados por desenvolvedores ocidentais são mais populares nos mercados ocidentais” 

“Como a expressão nos jogos está se tornando mais e mais foto-realista, eu imagino que as diferenças culturais em aceitação começaram a ser refletidas mais claramente. Eu acho que essa é a razão pela qual usuários ocidentais tendem a preferir software criado no ocidente ao invés de sotware de desenvolvedores japoneses” 

“A Nintendo continuará a administrar um negócio ao criar jogos do tipo da empresa, mas nós não poderemos alcançar os vários gostos dos consumidores ao fazer somente isso, então eu sinto que será necessário reforçar os recursos de desenvolvimento em países estrangeiros. Portanto, eu espero poder mostrar algo assim na E3“. 

Poderia a Nintendo aparecer nesta Electronic Entertainment Expo, E3, 2011 com um jogo de tiro em primeira pessoa feito em parceria com um estúdio ocidental? Agora que a série Metroid parece que ganhou um descanso, a empresa não tem nenhum título de peso do gênero. 

Via GoNintendo

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares