Jogos de ação

23/06/2011 18h11 - Atualizado em 14/07/2011 06h40

Activision diz que não quer ser vista como a vilã da indústria

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

A Activision acabou roubando o posto de empresa maléfica sem alma na visão dos jogadores, que antes era ocupado pela Electronic Arts, lançando muitas sequências e cobrando muito por serviços extras em seus títulos. Mas apesar da atual briga entre as duas companhias, a produtora de Call of Duty não deseja permanecer como a vilã da indústria dos jogos.

Call of Duty: Modern Warfare 3 (Foto: Divulgação)Call of Duty: Modern Warfare 3 (Foto: Divulgação)

O comentário meio ressentido veio por parte de Eric Hirshberg, chefe executivo de publicação da Activision, que disse: “Quem gostaria disso? Quem desejaria ser escalado como o cara mau na sua própria indústria ou como o vilão ou o império do mal? Eu acho que o caso é drasticamente exagerada em termos da realidade que eu vejo”.

E continuou: “Eu vejo uma companhia muito criativa que dá aos seus desenvolvedores as ferramentas e recursos que eles precisam para fazer grandes coisas, que não está com medo de atrasar jogos se for isso que precise para eles ficarem certos”.

Sobre a briga com a Electronic Arts, mais precisamente a recente disputa entre Call of Duty e Battlefield, falou: “Eles estão obviamente tentando obter uma resposta. Isso seria ótimo para eles. Eles tem falado sobre o nosso jogo na imprensa mais do que nós temos. Isso é obviamente estratégico. Isso é obviamente uma decisão que eles tomaram. Mas eu não quero dar tacadas em um poço na areia”.

“Estou sendo verdadeiro quando eu digo que queremos focar nos nossos jogos. Não há caminho para o sucesso para nós que náo inclua fazer um jogo fenomenal e incrível e satisfazer nossos fãs. É nisso que estamos focados. Nós não temos absolutamente nenhum controle sobre Battlefield, Gears of War ou o que quer que a Microsoft faça a seguir com Halo. Todos são parte de uma competição respeitável. Mas estamos 100% focados em fazer o melhor jogo que podemos”, encerrou o executivo.

Via GamaSutra e GoNintendo

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares