Jogos de ação

27/06/2011 18h47 - Atualizado em 14/07/2011 06h39

Criador de Twisted Metal critica fã que fez reclamações racistas

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

O criador de Twisted Metal, David Jaffe, deus bastantes declarações polêmicas e respostas ácidas em sua conta de Twitter, ou mesmo em entrevistas quando tem chance, mas provavelmente todos concordariam com a sua reação recentemente: David respondeu pesadamente a um dito fã racista da série, que teria reclamado da adição de certas músicas no novo episódio, dizendo que eram "músicas de negros".

David Jaffe continua em sua cruzada por sangue (Foto: Reprodução)David Jaffe continua em sua cruzada por sangue (Foto: Reprodução)

Segundo o comentário original, o fã teria reclamado de maneira bem ofensiva e racista que a inclusão de músicas de rap, como a de Jay-Z, seriam apenas para o público afro-americano, e que a série precisava de heavy metal, como Metallica, Megadeth, Slayer e Anthrax. David Jaffe ficou horrorizado com o teor da afirmação, respondendo: "Uau! Eu estou tão chocado que um jogo que eu co-dirigi possa se conectar e se comunicar com um idiota tão ignorante".

E continuou: "Nós damos suporte a trilhas sonoras personalizadas, então, se você REALMENTE quer SUA MÚSICA para esse jogo, então nós damos suporte a isso. Eu nunca daria suporte a trilhas sonoras personalizadas em um jogo como God of War por exemplo, mas para Twisted Metal faz sentido. A trilha sonora que vai com o jogo é a que nós, do time, achamos que representa melhor a nossa visão, mas está tudo bem se você quiser ajustar com sua própria música".

"A música que eu e Scott selecionamos para o novo Twisted Metal vem do simples conceito do que se encaixa melhor na aura do jogo. Em nenhum momento nós pensamos 'temos que atrair os afro-americanos então vamos botar um pouco de rap'. Antes de mais nada, essa é uma suposição ignorante, já que os dias em que só afro-americanos ouviam rap acabaram com Krush Groove (se é que eles realmente existiram)", complementou Jaffe irritado.

"Quem diabos paga US$ 60 por um jogo porque tem a trilha sonora que eles gostam, afinal?", encerrou ele.

Via Eurogamer.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares