Video game

01/06/2011 16h27 - Atualizado em 14/07/2011 06h44

Estúdio criador de DJ Hero luta contra a falência

Alexandre Silva
por
Para o TechTudo

Nos últimos tempos, a Activision ganhou fama de “empresa do mal” por cancelar projetos como Guitar Hero, além de fechar o estúdio responsável por Blur e Project Gotham Racing, a Bizarre Creations, como parte dos planos de reestruturação da companhia. Quem está lutando para não ter o mesmo destino da Bizarre é a FreeStyle Games, o estúdio criador de DJ Hero.

Produtora de DJ Hero está lutando para não fechar as portas (Foto: Divulgação)Produtora de DJ Hero está lutando para não fechar as portas (Foto: Divulgação)

Segundo o diretor de criação Jamie Jackson em entrevista ao site Develop, nos últimos três meses a equipe tem estudado formas de manter o futuro do estúdio com a Activision, e que estão muito satisfeitos com o apoio da comunidade de fãs que não querem que o estúdio tenha um final pouco feliz.

Jackson também revelou que o estúdio está trabalhando em um novo projeto com a Activision, mas que não podem revelar detalhes no momento. Apenas agradeceu ao apoio dos fãs e deixou todos na curiosidade. Esse projeto é o que está mantendo a Activision em parceria com o estúdio, então pode ser algo determinante para o futuro da FreeStyle Games.

Mas nem o futuro de todos está garantido na indústria de games. O diretor de design David Osborn revelou que 35 membros da equipe do estúdio serão cortados. A Activision está tentando fornecer recursos e ferramentas para o estúdio incluindo serviços de consultoria e planos de carreira para os funcionários que forem afetados pela reestruturação, garantindo que mesmo que alguns funcionários saiam da FreeStyle Games, eles tenham oportunidades de trabalho em outras empresas.

Via CVG

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares