Video game

30/06/2011 21h41 - Atualizado em 14/07/2011 06h38

I Am Alive é avaliado para lançamento na Austrália

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

Um dos jogos mais promissores já mostrados em conceito pela Ubisoft, foi definitivamente I Am Alive na E3 2008. O problema é que ele foi mostrado há três anos e desde então praticamente nada se sabe dele, além de que a empresa diz não tê-lo cancelado. Agora uma informação vinda da Austrália reacendeu a chama da esperança. 

I Am Alive (Foto: Divulgação)I Am Alive (Foto: Divulgação)

O Australian Classification Board, que seria de uma certa forma o mesmo que a versão australiana do tradicional órgão ESRB, conhecido por classificar a faixa etária adequada dos jogos de videogame nos Estados Unidos, listou o jogo I Am Alive como avaliado por eles, indicando uma classificação MA 15+, para jogadores acima de quinze anos, alegando como base para tal “forte violência”, levantando indícios que o jogo ainda possa acabar sendo lançado. 

Segundo as informações mais recentes, I Am Alive estava sendo desenvolvido pela Darkworks, com uma premissa bem ambiciosa de sobrevivência em uma Chicago pós-apocalíptica, afetada por um grande terremoto, onde água parecia ter se tornado algo escasso. O jogo deveria ter sido lançado em 2010, mas sofreu um adiamento indefinido e entrou nesse hiato cheio de mistério. 

Desde então ele teria sido enviado para o estúdio de Xangai da Ubisoft, tendo se transformado em algo bem mais simples e menos ambicioso, para ser lançado como um título para download multiplataforma nas redes da Microsoft e da Sony. Aparentemente a única coisa que foi mantida do original deve ter sido o tema e a barbárie dos sobreviventes. Dificilmente uma grande cidade combinaria com um jogo para download. 

 

Via Destructoid

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares