Video game

17/06/2011 15h39 - Atualizado em 14/07/2011 06h41

Jogo rítmico de Neon Genesis Evangelion aparece em vídeo

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

A Namco Bandai anunciou recentemente Rebuild of Evangelion Sound Impact para o PlayStation Portátil, um inesperado jogo rítmico baseado em um dos animes mais respeitados do Japão, Neon Genesis Evangelion, mas até então não tínhamos muitas informações sobre ele. Agora já ficamos sabendo da existência de edições limitadas com itens extras e até mesmo tivemos acesso a um vídeo mostrando o que podemos esperar do produto final.

Japão receberá edições limitadas com itens exclusivos (Foto: Andriasang)Japão receberá edições limitadas com itens exclusivos (Foto: Andriasang)

Aparentemente o jogo será baseado em algumas sequências animadas de batalhas entre as unidades EVA e os Angels, que parecem tiradas diretamente do desenho original, e provavelmente a sua chance de sucesso nessas cenas vai estar diretamente atrelada à sua performance musical na contraparte rítmica jogável.

A trilha sonora incluirá as músicas originais do anime, remixadas por Akira Yamaoka, compositor da série Silent Hill, que também trabalhou com a Grasshopper Manufacture em alguns jogos.

A Namco Bandai está chamando o jogo de Rebuild of Evangelion 3nd Impact, sendo que 3nd seria uma forma errada de numerar “terceiro” em inglês, “3rd”, pois em japonês, o número 3, “san”, soaria como “san-nd”, e eles quiseram fazer uma piada com a palavra “Som”, “Saundo”, em japonês, ou “Sound”, em inglês, no nome.

Nem mesmo os mais aficcionados fãs japoneses que rirem dessa piada conseguirão manter o sorriso em seus rostos quando souberem que para ter certeza que o ocidente nunca veja esse jogo, o título virá com uma trava regional.

Rebuild of Evangelion Sound Impact será lançado no Japão no dia 29 de Setembro.

Via Andriasang

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares