Jogos de ação

21/06/2011 15h24 - Atualizado em 14/07/2011 06h40

Produção de L.A. Noire causa polêmica

Rodrigo Tadeu
por
Para o TechTudo

A produção de L.A. Noire virou polêmica, e não tem nada a ver com a história do jogo. Nos últimos dias, vários empregados da Team Bondi e da Rockstar começaram a dar declarações se queixando das péssimas condições de trabalho nos estúdios. 

L.A. Noire da Rockstar Games (Foto: Divulgação)L.A. Noire da Rockstar Games (Foto: Divulgação)

De acordo com as informações reveladas por ex-empregados, a grande maioria dos trabalhadores eram obrigados a cumprir jornada de trabalho de mais 12 horas por dia, incluindo também os finais de semana, e muitos deles viram-se obrigados a pedir demissão, para o bem da sua boa sanidade mental. 

Mas isso não é tudo. Para piorar ainda mais a questão, parece que os nomes de mais de 100 empregados envolvidos no projeto não aparecem nos créditos finais de L.A. Noire. Sendo assim, vários desses empregados se juntaram e criaram um movimento com o nome L.A. Noire Credits, reivindicando o seu direito de ter seus nomes nos créditos do jogo. 

Outra parte dos empregados, disse ainda que todos os trabalhadores tinham sido avisados que se saíssem antes do projeto acabar, o seu nome não iria constar nos créditos do jogo. Porém, esta medida vai contra as regras de ética estipuladas pela Internation Game Developers Association (IGDA)

Esta já não é a primeira vez que as condições de produção para os trabalhadores da Rockstar são postas em dúvida. Anteriormente, a produção de Red Dead Redemption também tinha sido vítima de alguma polêmica, quando empregados acusaram os estúdios de San Diego manipuladores e abusivos, por colocá-los em jornadas de mais de 12 horas de trabalho e não terem direito a finais de semana, feriados e adicionais. 

Ao que parece, não são apenas os jogos da Rockstar que são polêmicos, as condições de trabalho dentro da produtora também seguem o mesmo caminho. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares