Video game

21/06/2011 13h03 - Atualizado em 14/07/2011 06h40

Produtora de Half-Life trabalha em jogos gratuitos

Felipe Vinha
por
Para o TechTudo

Após anunciar suporte a mais jogos gratuitos no Steam, a Valve pretende focar ainda mais no modelo de negócios “freemium” – jogos gratuitos, mas com opção de pagamento adicional por bônus e outras regalias. Segundo o site francês Barre De Vie, a produtora trabalha atualmente em jogos deste tipo.

Champions Online é um dos jogos gratuitos oferecidos no Steam (Foto: Divulgação)Champions Online é um dos jogos gratuitos oferecidos no Steam (Foto: Divulgação)

Doug Lombardi, Vice-Presidente de marketing da companhia, respondeu ao site que “sim”, a empresa trabalha em jogos próprios que utilizam este modelo de negócios. “Em algumas regiões do mundo, os jogos gratuitos já rendem mais do que os jogos tradicionais [obrigatoriamente pagos]”, comentou Lombardi.

“Este é um assunto que vai perdurar por algum tempo, acreditamos nisso. Há alguns outros títulos gratuitos para o Steam que serão lançados em breve, com uso de micro-transações”, disse o executivo.

Recentemente, o serviço de venda e distribuição digital de jogos da Valve passou a suportar de forma massiva games gratuitos, como os RPGs online Forsaken Worlds e Champions Online, além de Spiral Knights, da Sega. Anteriormente, somente alguns jogos eram oferecidos gratuitamente no serviço, como Alien Swarm, lançado em 2010. No mesmo ano, a companhia ofereceu o título Portal de forma gratuita, mas somente por tempo limitado.

Aparentemente, a Valve vai investir pesado neste modelo, já que os games lançados desta forma no Steam oferecem ainda conteúdo exclusivo. Mas quais serão os títulos futuros? Fãs apostam que alguns futuros jogos da empresa, como Dota 2, adotem este tipo de oferta. Este jogo em particular é inspirado por um mapa gratuito lançado no game Warcraft III, da Blizzard.

Via VG247

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares