Video game

23/06/2011 18h25 - Atualizado em 14/07/2011 06h40

Warner Bros. afirma que jogos de filme tradicionais não funcionam mais

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

Produtos baseados em filmes são uma incógnita no mundo dos jogos, alguns são surpreendentemente bons, enquanto outros são incrivelmente ruins, e de alguma forma sabemos que algo parece estar errado nesse desenvolvimento corrido. A Warner Bros. também acredita que algo tem que ser mudado e que o modelo atual simplesmente não funciona mais.

Green Lantern: Rise of the Manhunters (Foto: Divulgação)Green Lantern: Rise of the Manhunters (Foto: Divulgação)

A afirmativa veio por parte de Martin Tremblay, chefe de entretenimento interativo da empresa, que comentou: “Eu já estive lá, com outras publishers, conseguindo licenças, trabalhando com estúdios onde você tem 14 meses para fazer um jogo e você está tão pouco exposto a tudo que eles fazem no lado do filme. É muito difícil fazer algo que é realmente incrível para o consumidor. Isso não funciona mais”.

E continuou: “O que nós fazemos agora é reconhecer que o filme tem sua própria história. Também pode haver um jogo com uma história paralela, além e acima do que o filme está oferecendo. O jogo existe por conta própria. Ele tem que ser forte o suficiente por si só para ser interessante para jogadores porque eles querem algo diferente de quem vai ao cinema. Se você tratá-los da mesma forma, como no passado, não funciona”.

“No ano que vem teremos algumas grandes notícias sobre filmes que nós temos trabalhado por dois anos. Estamos quebrando as percepções do que um jogo baseado em filme é, estamos fazendo algo diferente”, encerrou ele.

Experiências variadas com licenças de filmes já foram feitas antes, como Enter the Matrix, onde a história do jogo completamentava o enredo do filme. Outros, como os títulos baseados nos filmes de Spider-Man, se expandem sobre o universo do cinema, com mais vilões e histórias paralelas.

Via GamaSutra e GoNintendo

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares