29/07/2011 18h55 - Atualizado em 26/06/2013 09h51

Conheça o mundo dos managers de futebol

Flavio Barboni
por
Para o TechTudo

Quem gosta de esportes ou, mais especificamente, do futebol sabe dos diversos aspectos do cotidiano do administrador de uma equipe. As nuances de mercado, torcida, condições de clima, humor e até de política afetam direta ou indiretamente essa prática que há muito deixou de ser um simples esporte para se tornar um irresistível investimento de risco. 

Traduzir todo esse conhecimento para um game, então, é uma evolução natural do jogador de futebol. E foi uma questão de tempo até que os ingleses (povo obcecado por essas coisas) elaborassem o game Football Manager – não é o mesmo que conhecemos atualmente – em 1982 para o computador britânico ZX Spectrum.  

FIFA Manager (Foto: Divulgação)FIFA Manager (Foto: Divulgação)

Os jogos de gerenciamento de futebol só melhoraram desde então, atingindo seu auge a partir da década de 2000. Até o Brasil entrou na onda com o Cartola FC, que se tornou o mais popular dos Esporte Fantasy nacionais (conheça um pouco mais sobre ele mais abaixo). 

O TechTudo aproveitou o movimento dos jogadores no mercado da bola e reuniu alguns dos mais influentes e interessantes jogos e séries do estilo ‘manager’, e claro, para mostrar como a vida de um clube não é um mar de rosas! 

Championship Manager – Eidos / Sports Interactive – 1992 a 2011 

Dá para contar nos dedos as séries que permaneceram relevantes para seu segmento por quase 20 anos. É um feito digno de Super Mario Bros. e poucos outros felizardos, entre eles Championship Manager ou CM para os íntimos.  

Championship Manager 03/04 (Foto: Neoseeker)Championship Manager 03/04 (Foto: Neoseeker)

A série chegou em 1992 sendo lançada para computadores e de lá não parou, passando até por portáteis e consoles como PlayStation 2, em 2005. Com a saída dos desenvolvedores originais, a série decaiu anualmente. O último game da série nem chegou a sair para PC: Championship Manager 2011 está disponível somente para iPhone e iPad

O game é praticamente um pai do gênero, porém, tendo definido grande parte dos conceitos que estão presentes até hoje nos ‘managers’, com seu detalhamento estratégico, inúmeras tabelas, opções de treino, contratos de patrocínio e, claro, transferências de jogadores. O conceito foi tão aclamado que séries convencionais como FIFA e Pro Evolution Soccer adotaram ao longo dos anos modos de carreira com grande ênfase nos aspectos gerenciais de uma equipe de futebol.  Difícil é encontrar alguém que consiga imaginar essas duas séries supremas do velho esporte bretão sem modos de gerenciamento. 

Football Manager – Sega / Sports Interactive – 2004 até atualmente 

A influência de CM é tão grande que uma das séries de ‘manager’ mais famosas atualmente surgiu da mesma raiz. É provável que Football Manager seja um dos mais conhecidos representantes do gênero. Apesar de o jogo ser desenvolvido pela mesma Sports Interactive que trabalhou no CM até 2003, FM se mostrou um título com bastante personalidade. 

Football Manager 2007 (Foto: Divulgação)Football Manager 2007 (Foto: Divulgação)

Ao trazer uma apresentação visual mais convidativa, mais dinamismo e uma interface completamente amigável, a nova série se mostrou um páreo duro para os concorrentes. Aquela sensação de isolamento do mundo perdeu sua força em FM, já que aqui as notícias correm por todo o mercado futebolístico e todos esses são fatores importantes e que influenciam diretamente a rotina do seu clube. Detalhado, o jogo permite um nível acima de personalização em relação aos concorrentes e já é compra garantida de muitos técnicos virtuais em sua versão 2012. 

Total Club Manager – EA Sports – 2002 a 2004 

Só que ninguém havia apresentado um motor gráfico tão robusto quanto o que a EA Sports trouxe em Total Club Manager. A desenvolvedora canadense, já acostumada a lançar jogos manager baseados nas ligas de futebol da Inglaterra e em outros esportes, como Formula 1, decidiu usar seus conhecimentos e sua poderosa licença da entidade máxima do futebol para lançar um jogo baseado no motor gráfico da série FIFA

Total Club Manager 2005 (Foto: Divulgação)Total Club Manager 2005 (Foto: Divulgação)

TCM contava então com simulação das partidas em tempo real, o que tornava tudo mais interessante e com grande apelo visual mais gráfica, como visto no Ultimate Soccer Manager, por exemplo. Por meio de um recurso chamado Football Fusion a EA permitiu que FIFA Soccer 2004 e 2005 se integrassem aos TCM dos respectivos anos, possibilitando ao jogador exportar e jogar com seus times e elencos personalizados. 

FIFA Manager – EA Sports / Bright Future – 2005 até atualmente 

Em 2006 a EA abandonou o antigo nome e iniciou uma nova franquia FIFA Manager, que agora carrega o mesmo nome da série de futebol da empresa, que já caminhava a passos largos para se tornar o título que conhecemos hoje. A mudança não foi apenas no nome, já que recursos como o Football Fusion foram extintos, mas com novidades bem interessantes, que melhoraram desde a criação de uma equipe até a fluidez de comando. 

Fifa Manager 11 (Foto: Divulgação)Fifa Manager 11 (Foto: Divulgação)

Além de uma interface ainda mais amigável, o jogo se tornou ainda mais detalhado em todos os aspectos da rotina do futebol, como administrar a vida pessoal do técnico e a relação com a imprensa. Outra grande possibilidade foi construir seus próprios estádios com uma ferramenta simples, bastava ter bastante dinheiro para executar Maracanãs customizados. Em 2007 a EA passou a bola para a alemã Bright Future, que desenvolve os jogos da série desde então. O último game lançado da série é FIFA Manager 11 e é certo que o 12 já está a pleno vapor. 

Elifoot – André Elias – 1987 – 1998 até atualmente 

Nesse meio de managers sofisticados e que exigiam bastante memória devido à enorme base de dados com jogadores e equipes tinha de haver espaço para um game mais democrático. Elifoot provavelmente foi o programa que melhor cumpriu esse papel.

Desenvolvido pelo português André Elias em 1987 (!!!), o manager foi todo programado de forma leve e destinado aos computadores mais simples. O auge veio com Elifoot 98, ainda leve, só que mais refinado. 

Elifoot 98 (Foto: Divulgação)Elifoot 98 (Foto: Divulgação)

O resultado foi obviamente um sucesso, principalmente entre os brasileiros. Uma das grandes vantagens de Elifoot é o alto nível de personalização, já que conta com um editor prático e fácil (diferente de outros managers). A comunidade dedicada ao game também se expandiu e se tornou muito ativa, produzindo Mods completos com ligas nacionais e planteis atualizados. 

O sucesso de Elifoot ganhou até clones, como o Brasfoot, por exemplo. Quem procura se familiarizar com o gênero certamente deve começar por Elifoot, que já está na versão 2011. O Brasfoot lança sempre em janeiro a versão anual, que é atualizada ao longo do ano corrente.

Ultimate Soccer Manager – Sierra / Impressions – 1995 a 1999 – PC (Windows / DOS) 

Ultimate Soccer Manager foi certamente um título de gerenciamento diferente em relação aos outros do mercado. Se considerarmos que sua primeira versão foi lançada em 1995 então, é fácil colocá-lo, ao menos graficamente, como o título superior de sua era.  

USM trouxe uma administração mais visual em detrimento das infames listas de jogadores, patrocinadores, contratos e funcionários. Elas estavam lá, mas na forma de ícones e elementos visuais muito mais próximos de jogos como Sim City do que de pranchetas de administradores do futebol. 

Ultimate Soccer Manager 98 (Foto: Divulgação)Ultimate Soccer Manager 98 (Foto: Divulgação)

As possibilidades e propostas de jogo eram as mesmas vistas nos outros títulos do gênero. Contrate jogadores, invista em novos talentos, faça seu estádio aumentar e a torcida crescer para enchê-lo e aumente a arrecadação anual do clube. Vencer a tradicional pirâmide inglesa das ligas de futebol é imperativo. E visualmente falando, tudo isso fica muito mais interessante. 

O grande problema, porém, é a quantidade de bugs que travavam o jogo ou concediam ao player contratos milionários sem sentido algum. Apesar dos problemas o game teve duas novas versões – USM 2 e USM 98 – que também não fez muito sucesso no Ocidente, mas no Japão (e só lá) o game se tornou um grande sucesso! 

Zico Soccer – EA Sports Victor – 1994 – Super Nintendo 

Por falar em Japão, as insulas nipônicas já contaram com managers exclusivos que nossos olhos ocidentais não viram. Um deles é baseado no maior jogador-técnico da história do mundo, Arthur Antunes Coimbra, mais conhecido como Deus do Futebol, Rei Arthur, Pelé Branco, Galinho de Quintino ou – finalmente – Zico! Ele poderia dividir o posto de “melhor” com Johan Cruyff, mas isso não vem ao caso agora, pois o assunto é Zico Soccer

Disciplinado, Zico fez milagres com o então pequeno Kashima Antlers em 1994 e se tornou herói para os japoneses e a epopéia virou até game. Zico Soccer é tão nipônico que não saiu de lá, tornando inviável qualquer chance de conhecermos o título. 

 

Mas vale como curiosidade saber da existência do cartucho, que consistia em um estilo de gerenciamento ao qual estamos mais habituados no Brasil: era focado na figura do treinador (ou ‘coach’ em inglês), que elabora as táticas do jogo, grita para os jogadores e ensaia as jogadas. Isso é completamente diferente da figura do ‘manager’, que está mais para um gerente de futebol das agremiações. Zico Soccer nos faz pensar que depois de sua carreira bem sucedida de técnico de futebol, Zico merece mais jogos! 

Let’s Make a Soccer Team – Sega / Konami – 2006 – PlayStation 2 

Apesar da pouca tradição em receber títulos expressivos do gênero ‘manager’ – mais direcionados ao PC – os consoles também recebem suas novidades vez ou outra. Mas esse game quebrou o protocolo e chegou ao PlayStation 2. Outra notícia interessante é que esse game uniu Sega e Konami, duas gigantes dos games. E outra, melhor ainda, o game foi lançado no Ocidente com o nome de Let’s Make a Soccer Team, que pode não ser o melhor possível, mas foi abreviado para LMAST

 

Como nenhuma das duas empresas conta com muitas licenças oficiais, o jogo é bastante fictício com equipes baseadas na realidade de diversos países europeus. A falta de ligação com o mundo real, porém, deu mais liberdade aos criadores para se focar em todos os detalhes do glamour e dos negócios do futebol, com a exposição na mídia sendo um dos itens cruciais para o bom desempenho da equipe; e dos cofres dos milionários russos e magnatas árabes, claro.

Nas partidas, a impressão é que mesclaram Virtua Striker com Pro Evolution Soccer. Se você ainda tem um PlayStation 2 é uma boa dica de game para experimentar! 

ManagerZone – Power Challenge AB – 2001 – Navegadores (qualquer um que aceite HTML) 

Com a massificação da internet de alta velocidade a tendência óbvia dos ‘managers’ é permitir ao jogador realizar as rotinas do clube conectado e em franca atualização. Só que em ManagerZone a idéia evoluiu para uma comunidade de técnicos e administradores de futebol, toda conectada e jogando entre si, no primeiro MMOG (Massively Multiplayer Online Gaming) da bola, e que conta com atualizações frequentes até hoje! 

ManagerZone (Foto: Divulgação)ManagerZone (Foto: Divulgação)

Não é um ‘manager’ muito rebuscado, porém, é extremamente satisfatória a sensação de estar apostando em jogos de azar que ManagerZone oferece. O jogador cria uma equipe, organiza as táticas de jogo, sai em busca de talentos para fortalecer o plantel e executa a rotina administrativa. Na hora do jogo somente acompanha os resultados contra o time de outro usuário (não necessariamente conhecido, mas que dispute a mesma divisão). 

Essa sensação de apostar em corrida de cavalos pode ser atribuída ao fato de serem todos jogadores de verdade. Na maioria das partidas, ganhar ou perder é pura questão de sorte. 

Bola – Playdom / Three Melons – 2010 – Facebook 

Evoluir dos navegadores para as redes sociais foi um passo natural, já que redes como o Facebook atendem todas as características necessárias para um técnico de futebol: rede de contatos, atenção da mídia (os usuários da rede no caso) e claro bons rivais! Criado pela Playdom, o game Bola faz um bom uso dessas características no Facebook

Bola (Foto: Divulgação)Bola (Foto: Divulgação)

Mas Bola tem um diferencial sobre a maioria dos outros games de gerenciamento futebolístico: ele permite também que as partidas sejam jogadas exatamente como fazemos em jogos tradicionais. Cada partida garante a escalada de níveis, que rendem torcida, que rendem investimentos, que rendem jogadores, que rendem estádio, que rendem patrocínio e por aí vai. 

O sucesso foi grande e o game atingiu quase 2,1 milhões de usuários. Essa galera parece não se importar com os diversos bugs, que não carregam as partidas ou fazem sumir algumas opções… Mas está lá no Facebook e experimentar ainda é de graça! 

Cartola FC – Globosat / SporTV – Navegadores 

O Cartola FC é um manager bem diferente dos demais. É que, ao invés de situações imaginárias baseadas em equipes e jogadores reais, o cartola fc é composto por atletas da vida real. O desempenho dos times é medido conforme a condição dos jogadores previamente escalados nos jogos da Série A do Campeonato Brasileiro. Para quem selecionou um determinado atacante em sua equipe, no caso de ele ter feito gols na rodada, por exemplo, ganha pontos a serem somados com o desempenho estatístico real dos outros atletas. 

Cartola FC (Foto: Divulgação)Cartola FC (Foto: Divulgação)

Além de separarem o joio do trigo entre os cartolas, os pontos valorizam ou desvalorizam (no mundo do game) os jogadores de acordo com seu desempenho nos campos. E claro, os melhores dirigentes recebem prêmios e a glória de ser o melhor entre mais de 1 milhão e meio de usuários. 

Para formar uma equipe no Cartola FC, o jogador precisa se cadastrar e então compor o plantel com 11 jogadores e um técnico, todos de verdade, e acompanhar com atenção a movimentação dos clubes reais para saber quem está mais valorizado, quem é promessa, os fracasso, entre outros. O jogo popularizou no Brasil o conceito de Esporte Fantasy, muito popular na Europa e EUA, que se baseia em ligas e competições reais como parâmetro para os resultados das ligas fantasia. Para quem ainda não conhece o cartola fc, vale a pena, pois também é de graça! 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Leandro Paulo
    2012-11-22T19:29:18  

    Matéria fraca essa! Como pode fazer um apanhado dos jogos de manager de futebol e nem sequer citar o Hattrick, que é o melhor de todos?

    recentes

    populares

    • Leandro Paulo
      2012-11-22T19:29:18  

      Tem no mínimo uns 15 anos de história, um clássico!

  • Victor
    2011-10-21T12:05:34

    FIFA Manager é o melhor de todos!

  • Hebert Silva
    2011-07-31T05:36:12

    Gosto muito de games deste estilo. Atualmente jogo o FM ( Football Manager ) que é um dos melhores, na minha opinião. Já joguei a maioria, entre outros que não estão nesta lista. Deveriam ter colocado o Game Gol, que é em browser, no estilo Cartola FC e também, o Brasfoot, no estilo Elifoot e também brasileiro.

  • Flávio Rezende
    2011-08-03T21:54:46

    Cadê o Hattrick? Melhor que esse não tem!

  • Luccas Campos
    2011-08-03T17:01:39

    Kde o Hattrick rapaz, faz a matéria aí sem saber da existencia do sagrado HT, ;p

  • Jefferson Sales
    2011-08-03T11:30:16

    E o Hattrick? Jogo com mais de 10 anos de Manager, e sucesso total na Internet

  • Carlito
    2011-08-02T09:15:19

    só faltou citar o Hattrick né, mostra que quem fez a matéria nunca

  • Joao Silva
    2011-08-02T08:25:02

    Faltou o maior manager online do mundo que é o Hattrick. #temqueverissoaí :-)

  • Aleson Nascimento
    2011-08-01T07:08:30

    Faltou o goalunited.org, jogo produzido pela travian games... muito bom, gratuito e bem elaborado. exige pouco tempo do utilizador.

  • Paulo Jr
    2011-07-31T17:55:28

    O melhor do manager agora será a possibilidade de utilizar da maioria das ferramentas dos melhores fantasy games em um time de verdade. Isso será possível através do Meu Time De Futebol, projeto o qual é parceiro de co-gestão do Sport Club Maguary, clube tradicional do Ceará que está na terceira divisão do estadual. Aos curiosos de plantão, visitem o site do Reality Game: http://goo.gl/OXoFv

  • Marcos Fonseca
    2011-07-31T11:18:02

    Faltou o melhor manager de todos os tempos: HATTRICK. Esse sim é viciante e não precisa baixar nada para joga-lo,achei triste que o techtudo deixou o melhor de fora,pois temos mais de 1.000.000 de usuarios em todo o mundo!! Fica a dica...

  • Andre Cardoso
    2011-07-31T01:20:25

    sinceramente a falta do gamegol ai é absurda. vcs antes de fazerem essas listagens deveriam observar se tem alguma coisa nacional deste ramo o que falta em gráfico sobra em relação a manager, e é disto que estamos falando abrços

  • Eduardo Assis
    2011-07-30T22:29:02

    Ótima matéria! Sou fã de jogos manager de futebol, assim como o Túlio Bicalho, passei por todos os jogos citados por ele, atualmente ficando no Football Manager. Além do Premier Manager, faltou o LMA Manager (para PlayStation), jogo muito bem elaborado, garantiu boas horas de jogatina! Muito bem lembrado também o USM, meu PC na época suaaava pra rodar isso hahaha!

  • Ricardo Calheiros
    2011-07-30T20:20:24

    Faltou o Premier Manager

  • Túlio Bicalho
    2011-07-30T19:33:54

    Parabéns pela materia. FM é excelente. Comecei com elifootII e 98 passei pelo CM 01/02 e 03/04, fui pro FM e continuo no FM, excelente jogo, completo.

  • Pedro Caldas
    2011-07-30T18:47:43

    Faltou o http://www.hattrick.org. 729 040 membros ativos. Foi criado na Suécia, mas jogo em Português desde 2004.

  • Marcone Lima
    2011-07-30T17:48:18

    Na minha opinião faltou o http://www.gamegol.com.br, um manager nacional muito bom. Vale a pena conferir.

  • Samuel Situbal
    2011-07-30T11:57:46

    Com certeza faltou http://pt-br.soccermanager.com/ com simplesmente 397,269 Membros Ativos

  • Samuel Situbal
    2011-07-30T11:56:30

    com certeza faltou o soccermanager.com, com simplesmente 397,269 Membros Ativos