Internet

03/08/2011 11h38 - Atualizado em 03/08/2011 11h38

Estudo que dizia que usuários do IE têm Q.I. baixo era falso

Rafael Silva
por
Do Tecnoblog
Internet Explorer (Foto: Reprodução)Internet Explorer (Foto: Reprodução)

No começo da semana uma empresa chamada ApTiquant publicou resultados de um estudo que dizia que usuários do Internet Explorer tinham um Q.I. abaixo daqueles que usam outros navegadores, como o Chrome, Firefox e Opera. A empresa alegou que para chegar nessa conclusão ela aplicou testes em cerca de 100 mil pessoas.

Ao que tudo indica, esse estudo na verdade não passava de um elaborado boato. Os primeiros a desconfiarem foram leitores do site BBC News, que perceberam que o domínio da empresa havia sido registrado no dia 14 de julho desse ano. E como a empresa afirmava ter feito um estudo similar em 2006, a revelação da data do registro invalidaria essa afirmação.

Mas o que mais indicou que o estudo era falso foi o fato de que a suposta empresa de pesquisa canadense usou fotos de executivos de outra empresa para criar a sua própria. Na página em que eles exibem os membros da equipe de pesquisa estão fotos de executivos de outra empresa, chamada ClearTest, que já declarou que não tem nada a ver com o golpe e que foi vítima na situação.

Além disso, o endereço que foi usado pela ApTiquant para registrar o domínio é um estacionamento em Vancouver e o número de telefone para contato é tão verdadeiro quanto o suposto estudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares