Tablet

26/09/2011 17h28 - Atualizado em 26/09/2011 17h28

Apple corta pedidos de iPad 2 em 25% e aumenta especulações de iPad 3

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Nesta segunda-feira (26) surgiram mais rumores envolvendo a Apple, dessa vez sobre o suposto iPad 3. Algumas fontes de tecnologia informam que a Apple fez um corte nos seus pedidos de produção do iPad 2, o que leva a um potencial corte de preço na próxima remessa do produto.

iPad 2 pode ser fabricado no Brasil (Foto: Divulgação)Diminuição pode ser porque o iPad 2 será fabricado no Brasil, ou a chegada do novo iPad 3 (Foto: Divulgação)

Em um relatório a ser apresentado aos seus investidores nessa semana, a JPMorgan Chase & Co informa que a Apple cortou as encomendas do iPad 2 nas cadeias de suprimento no exterior para o quarto trimestre em 25%. De acordo com o Bloomberg, fontes na cadeia de abastecimento de eletrônicos informam que o corte foi promulgado nas duas últimas semanas, e que é o primeiro que a Apple faz (ou que se tem notícia).

Originalmente a Apple havia solicitado uma encomenda de 17 milhões de unidades do iPad 2 para o ultimo trimestre de 2011, mas esse número pode cair para 13 milhões de unidades, segundo informa o relatório. Foi sugerido que a queda das encomendas pode ser um reflexo do enfraquecimento da procura do tablet na Europa, que se dá pela concorrência de fabricantes como Motorola e Samsung, e pela crise econômica que o continente sofre nesse momento.

As informações da JPMorgan coincidem com dados informados pelo site DigiTimes, que faz menção a uma "desaceleração da demanda global", o que pode levar a Apple a seguir uma filosofia de preços mais baixos. Porém, os motivos desse corte podem ser outros.

Algumas frentes da imprensa especulam que a redução da produção do iPad 2 pode ser um indício de que o iPad 3 esteja chegando, logo, não há porque saturar o mercado com um modelo antigo quando um novo pode estar em linha de produção. Uma outra teoria, com menores chances de ser um fato concreto, é que a Apple estaria disposta a retirar parte da produção do tablet das fábricas chinesas da Foxconn para a fábrica brasileira, prestes a iniciar sua produção.

Via Apple Insider.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares