26/09/2011 13h46 - Atualizado em 27/09/2011 16h39

Macacos virtuais "recriam" obras de Shakespeare

Marcela Vaz
por
Da redação
Macacos virtuais reproduzem obras de Shakespeare. Será? (Foto: Divulgação)Macacos virtuais reproduzem obras de Shakespeare.
(Foto: Divulgação)

O programador norte-americano Jesse Anderson está tentando provar que "um número infinito de macacos batendo em um número infinito de máquinas de escrever seria capaz de produzir todas as obras de Shakespeare, por acidente". Esta é uma antiga teoria, nunca antes provada.

Anderson tenta provar que esta teoria é verdadeira usando macacos virtuais falsos, já que não é possível usar os verdadeiros, além do Elastic MapReduce da Amazon e o MapReduce do Hadoop, um modelo de programação e estrutura de software para escrever aplicações que processam rapidamente grandes quantidades de dados em paralelo a grandes aglomerados de nós de computação.

O projeto começou quando Anderson quis testar as ferramentas online que usa no trabalho, que ele resumiu da seguinte forma em seu site: "O Map Monkeys cria dados aleatórios em ASCII entre a e z. Ele usa o Mersenne Twister para eu ter certeza que tenho macacos rápidos, aleatórios e bem comportados. Uma vez que a saída do macaco é mapeada, é passado para o redutor que executa os personagens através de um teste de membro da Bloom Field. Se a saída do macaco passa no teste de associação, as obras de Shakespeare são verificadas usando uma comparação de string. Se isso passa, um macaco gênio acabou de escrever 10 caracteres de Shakespeare".

O computador processa o que seriam digitações aleatórias de todos os milhões de macacos. Cada tentativa de 10 caracteres que não forma uma palavra é descartada, quando uma palavra que pertence a alguma das obras do escritor inglês é escrita, é incluída no processo. Com o método de tentativa e erro, os programas processam tudo o que é produzido. Alguns cientistas acreditam que ele deve levar anos e quem sabe séculos para conseguir contribuir para o Projeto Gutenberg, uma ação colaborativa de digitalização de livros.

Fato é que Anderson está prestes a finalmente finalizar toda a produção. De acordo com informações da BBC, 99.990% do processo está completo. O primeiro trabalho de Shakespeare terminado foi o poema "Queixas de uma amorosa". É um sucesso, considerando seu objetivo, mas em 2003 macacos de verdade, do zoológico Paignton Zoo (Inglaterra), foram testados na tentativa de comprovar a velha teoria. Teclados foram ligados entre seis macacos em uma gaiola. Depois de um mês os macacos tinham produzido cinco páginas da letra "S" e quebrado os teclados.

Via: Jesse Anderson e BBC

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Joaquim José
    2011-09-27T09:40:55

    Esse realmente tem muito o que fazer da vida...

  • Carlos Pinheiro
    2011-09-27T08:35:19

    que vergonha, vai la saber o custo dessa porcaria, pessoas morredo de ananição na Africa e esses merdas gastando dinheiro com essa bobagem. Que vergonha em....

  • José Soares
    2011-09-26T19:35:50

    Tem nada mais útil na vida pra fazer não, o carinha ai? Fala sério....

  • Eduardo Betioli
    2011-09-26T18:04:47

    Tanta gente precisando de novas tecnologias para melhorar a qualidade de vida, ou simplesmente para manter-se vivo. E tem gente perdendo tempo e dinheiro botando macaco virtual pra digitar letras aleatórias.

  • Charles Silva
    2011-09-26T17:43:32

    Cara, o ser humano é inacreditável, chamam esse lixo de ciência, 10 a 0 para os macacos.