19/09/2011 15h48 - Atualizado em 19/09/2011 15h48

Produtora indie coloca chapéu pirata nos personagens e lança game em site de torrents

Flavio Croffi
por
Para o TechTudo

A produtora de jogos independentes tinyBuild lançou o seu game No Time to Explain no site de compartilhamento e torrents The Pirate Bay, como um movimento de divulgação do produto. Como um bônus especial para quem baixar o jogo no site, a versão do game trará chapéus de piratas nos personagens da aventura.

No Time to Explain (Foto: Divulgação)No Time to Explain (Foto: Divulgação)

“Achamos que seria engraçado soltarmos uma versão pirata de nosso jogo nós mesmos, já que estamos falando de piratas e colocamos chapéus de piratas nos personagens”, disse o criador do jogo, Alex Nichiporchik. “Quero dizer que, de qualquer forma alguém vai baixar o jogo em um site de torrente. Portanto, queríamos fazer algo diferente e engraçado com isso.”

No Time to Explain (Foto: Divulgação)No Time to Explain (Foto: Divulgação)

A versão original do jogo está a venda no site oficial da tinyBuild, pelo valor de US$ 10, ou algo em torno de 8 libras para o Reino Unido. E a produtora não acredita que as vendas sejam prejudicadas com esta versão “pirata” lançada por eles.

“Tivemos um retorno extremamente positivo dos usuários e até vimos pessoas comprarem o título justamente por terem gostado da piada com o The Pirate Bay. Portanto, não prejudicamos as vendas de forma alguma”, disse Nichiporchik. “Você não pode impedir a pirataria. Tem de fazer com que isso aja a seu favor. Fazer com que ela ajude as pessoas a comprar o seu produto. E para nós, isso é humor.”

No Time To Explain é um jogo bem engraçado que funciona na forma de plataforma. O jogador controla um personagem que veio do futuro encontrar o seu próprio “eu”, e passa por diversas fases enfrentando criaturas e obstáculos com o uso de uma espécie de lança-mísseis.

Já o site The Pirate Bay é alvo de várias controvérsias legais e fica na Suécia. Ele foi fundado em 2003 e hoje conta com 5 milhões de usuários registrados. Sem falar, é claro, nos outros milhões que usufruem do site e não têm registro.

Via GamesIndustry

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares