Sistemas Operacionais

31/10/2011 14h44 - Atualizado em 31/10/2011 14h44

Mike Morhaime afirma que F2P não é o caminho para o WoW

Lorena Boyer
por
Para o TechTudo

O Co-fundador e Presidente da Blizzard Entertainment – Mike Morhaime, declarou em entrevista ao Eurogamer, que fazer de World of Warcraft um free to play não é um caminho válido atualmente para a franquia mais lucrativa da empresa. Mas não descarta pra sempre o modelo de jogo adotado por um grande número de MMOs existentes, que se mantém às custas das vendas de itens de jogo e pacotes especiais, ao invés de cobrarem uma assinatura para que possam jogar.

Mike Morhaime (Foto: Divulgação)Mike Morhaime (Foto: Divulgação)

Mike não vê sentido na adoção desse modelo de negócio em um jogo extremamente lucrativo como ainda hoje é World of Warcraft, e discorda da idéia de que atualmente, quanto menos se cobra em mensalidades por um jogo, maior é o retorno financeiro com o mesmo. Além disso, ele afirma que um jogo não é necessariamente melhor por ser free to play, apesar de todos gostarem de coisas gratuitas.

Nessa entrevista ao Eurogamer, Mike Morhaime disse também que os free to play são uma ótima forma de empresas com menos recursos iniciarem seus negócios, já que o desenvolvimento de sistemas de qualidade, prontos a competir de verdade no mercado, tem custos enormes. Sem o pagamento de mensalidades os jogadores tendem a aceitar sistemas ainda em desenvolvimento e a criticar menos os problemas que podem existir.

A entrevista ainda abordou pontos como a nova expansão Mists of Pandaria e sua repercussão na China, a estratégia de marketing em torno do lançamento da assinatura anual de World of Warcraft com o jogo Diablo III gratuito, entre outros assuntos.

Via Massively

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares