Fabricantes

16/11/2011 20h18 - Atualizado em 16/11/2011 20h18

Avanço em baterias de íon de lítio garantem 10 vezes mais capacidade

Rafael Silva
por
Do Tecnoblog

As baterias de íon-lítio ganharam essa semana um considerável avanço na tecnologia que as integra. Desenvolvido pelos pesquisadores da Universidade de Northwestern, liderados pelo professor Harold Kung, as novas baterias tem 10 vezes mais capacidade do que as atuais, e podem levar até 10 vezes menos tempo para serem recarregadas.

As baterias de íon-lítio são usadas em diversos dispositivos móveis, como câmeras e celulares (Foto: Divulgação)As baterias de íon-lítio são usadas em diversos
dispositivos móveis, como câmeras e celulares (Foto:
Divulgação)

Para conseguir essas duas grandes conquistas os pesquisadores modificaram a técnica de como a bateria é feita, mantendo seus componentes originais e adicionando sílica. Atualmente a bateria é composta de várias camadas empilhadas de grafeno (composto baseado em carbono), que armazenam os íons de lítio. A velocidade com a qual esses íons passam de camada em camada é o que estabelece o tempo que uma bateria demora para ser carregada.

Os pesquisadores conseguiram diminuir esse tempo perfurando as camadas de grafeno, o que permite que os íons atravessem camadas com mais facilidade e rapidez. Já para conseguir aumentar a capacidade da bateria eles colocaram camadas de sílica entre as camadas de carbono, permitindo que uma maior quantidade de íons fossem armazenados.

Mesmo com esse desenvolvimento, esse novo tipo de bateria ainda tem um problema: depois de 150 ciclos de carregamento ela perde metade da capacidade. Os seus criadores vão tentar resolver esse problema (e otimizar a produção dos materiais dela, dentre outras coisas) nos próximos 3 a 5 anos, que é a estimativa de chegada ao mercado dessas baterias.

Antes disso, ainda sofreremos bastante com a necessidade de plugar nossos gadgets com frequência na tomada.

Via TechCrunch.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Luciano Cardoso
    2011-11-18T11:39:58

    Bom, metade da capacidade ainda são 5x mais capacidade que as atuais e 150 ciclos equivalem a 1500 ciclos atuais.

  • Roberto Tsuchiya
    2011-11-17T11:30:11

    Isso vai resolver o problema de autonomia dos EV (carros elétricos). ;0)

  • Samuel Franco
    2011-11-17T08:41:39

    espero que esteja funcional logo