Fabricantes

24/11/2011 19h10 - Atualizado em 24/11/2011 19h10

NASA testa tecnologias inovadoras em caça F-18

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

O trabalho da NASA vai muito além de enviar sondas e astronautas ao espaço. A agência espacial norte-americana tem, por exemplo, um espaço reservado na Base Aérea de Edwards, na Califórnia, onde testa novas tecnologias e conceitos na aviação convencional. E, para isso, utiliza caças F-18.

F-18 da NASA (Foto: Reprodução/Wired)F-18 da NASA (Foto: Reprodução/Wired)

A agência dispõe de uma esquadra de aviões. Não só F-18s, mas também F-15s, aviões de carreira como um Douglas DC-8, um jatinho Gulfstream e dois aviões espiões U-2 aposentados pela Força Aérea. O mais interessante deles, no entanto, é um F-18, o modelo 853, que carrega em si o verdadeiro registro histórico das pesquisas e do programa de testes.

Cada pesquisa e modificação feita no avião deixou um rastro. O 853 já teve asas curvas e já efetuou voos com apenas uma asa. Os testes eram parte de um projeto para o desenvolvimento de uma aeronave que pudesse manter o controle em voo mesmo danificada. Cada nova ideia dada por um engenheiro é testada no avião e, normalmente, as modificações ficam na aeronave porque simplesmente não compensa desmontá-las.

F-18 da NASA (Foto: Reprodução/Wired)Teste feitos na asa do F-18 pel NASA
(Foto: Reprodução/Wired)

Outra pesquisa aerodinâmica procurou desenvolver um sistema de controle de direção horizontal que fosse independente da cauda. A ideia foi criar asas que se movessem e produzissem a pressão necessária para o avião virar em velocidades supersônicas. Muito da intrincada rede de sensores distribuídos no corpo do avião, para monitorar pressão e velocidades, ainda estão na fuselagem. Entre os resultados desta pesquisa, estão novos conceitos que podem nortear a construção de aviões mais manobráveis e com menos arrasto aerodinâmico no futuro.

No F-18 cobaia há um computador, o ARTS, que registra os dados de voo de cada experimento, funcionando como um tipo de caixa preta do trabalho pesado que a aeronave faz ao longo do tempo.

Via Wired

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares