Internet

08/11/2011 08h51 - Atualizado em 08/11/2011 08h51

Pesquisa revela que 70% dos internautas trairiam caso não fossem descobertos

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

Há quem diga que redes sociais podem terminar relacionamentos. Outros acreditam que elas podem ajudar a começar romances. Desejando aprofundar-se um pouco mais neste tema, a empresa Lab42 - especialista em pesquisa de mercado consumidor online, usando redes sociais como base - decidiu fazer uma pesquisa com usuários deste tipo de site para saber de qual forma eles podem ter afetado sua vida amorosa. Cerca de 500 pessoas foram ouvidas entre os dias 27 e 30 de outubro e os resultados de algumas enquetes são bem curiosos.

Coração Facebook (Foto: Reprodução)Romances podem começar ou terminar nas
redes sociais (Foto: Reprodução)

O romance no Facebook é uma realidade. Entre os entrevistados, 64% admitiram que utilizam a página para mandar mensagens amorosas para os amados e 45% têm as conversas na rede social como principal forma de comunicação com seus parceiros. Mas nem somente de amor se vive na rede social de Mark Zuckerberg: 53% das mulheres e 48% dos homens entrevistados admitiram já terem sido traídos. Além disso, 42% dos homens e 28% das mulheres ainda revelam que trairiam, sim, se não houvesse nenhuma chance de serem descobertos.

Um dos dados mais interessantes da pesquisa, no entanto, tem relação com a mudança de estado civil no Facebook. A maior parte das pessoas quer logo correr para a rede social para contar as novidades aos amigos. Mas esta necessidade aparece em maior número em quem acabou de terminar um relacionamento: 52% dos entrevistados trocariam o status de “namorando” para “solteiro” imediatamente se rompessem, enquanto apenas 38% fariam isso ao iniciar uma nova relação.

Há outra informação interessante nesta situação: 24% das pessoas esperariam o parceiro comunicar o início de um novo namoro. Mas somente 9% aguardariam no caso do término, que, aliás, parece ser coisa séria para os entrevistados. Mais de 60% disseram que nunca encerraram um namoro – e não fariam isso – por meio de redes sociais, email ou mensagem de SMS.

Facebook é arma para solteiros

Entre os solteiros, o Facebook também parece fazer bastante sucesso. De acordo com os usuários entrevistados que não estão em relacionamentos, a rede social é um ótimo meio de dar o primeiro passo e chamar alguém para sair. Foram 24% que responderam que utilizariam este artifício para convidar um pretendente, contra 16% por telefone e 42% em pessoa.

E depois de conhecer alguém interessante, qual é o próximo passo? Adicionar à lista de amigos no Facebook. Pesquisar nas redes sociais foi a opção de 29% dos entrevistados, enquanto 26% colocariam o nome da pessoa no Google. Mas a ampla maioria, 57% só pensa em uma coisa: adicioná-la no Facebook.

Curiosamente, o que mais é observado não é somente a atração física ou emocional. Os valores familiares (20%), a personalidade parecida (21%) e, principalmente, fatores que parecem ser simples, como orientação política, gosto musical, religião e orientação de carreira são o que mais chamam a atenção na hora de arrumar um novo affair, segundo 23% dos entrevistados.

Via Mashable

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • João Pedro
    2011-11-09T20:19:04

    Ultime correção. Prometo rsrs: * Digamos que exatamente 500 pessoas foram entrevistadas e esse número é dividido igualmente *entre* homens e mulheres

  • João Pedro
    2011-11-09T20:17:20

    Fabiano Santos, seriam 70 mulheres mesmo. Digitei 60 por engano e continuei sem perceber rsrs. O certo seria: Digamos que exatamente 500 pessoas foram entrevistadas e esse número é dividido igualmente homens e mulheres. 42% dos homens traíram, portanto 105 homens. 28% das mulheres traíram, portanto 70 mulheres. 105 + 70: 175 pessoas traíram. Calculando a porcentagem que 175 representa de 500, encontraremos 35%, ou seja a porcentagem real de pessoas que traíram é a metade dos 70% que o "gênio matemático" Thiago Barros incorretamente informa.

  • Bruno Grossl
    2011-11-09T05:29:30

    corrigindo: "... *65% ..."

  • Bruno Grossl
    2011-11-09T05:17:47

    Relaxa galera, esqueceram de mencionar q 70% é em cima dos "200%". Seria bom se Thiago Barros mudasse o titulo dessa matéria o mais rápido possível ^^...

  • Fabiano Santos
    2011-11-09T03:10:37

    Cara,vc fez exatamente a conta que eu fiz e demorei a postar.rsrsMas e isso mesmo Joao Pedro,as porcentagens de homens e mulheres nao podem simplesmente ser somadas e dizer que 70% dos entrevistados trairiam.So acho que vc se enganou no numero de mulheres,sao 70 e nao 60 .O primeiro comentario do Cezar Rios esta correto.Gozado e ver os comentarios de Eric Briquet,Andre Passos e Carlos Santos se achando certos rsrsrsrsr

  • João Pedro
    2011-11-08T22:59:04

    Vamos pensar um pouco: Digamos que exatamente 500 pessoas foram entrevistadas e esse número é dividido igualmente homens e mulheres. 42% dos homens traíram, portanto 105 homens. 28% das mulheres traíram, portanto 60 mulheres. 105 + 60: 165 pessoas traíram. Calculando a porcentagem que 165 representa de 500, encontraremos 33%, ou seja a porcentagem real de pessoas que traíram é aproxidamente 31-35%, não 70% como o gênio matemático Thiago Barros incorretamente informa.

  • Rafael Souza
    2011-11-08T20:19:11

    Cara, não tem mistério. Não importa quantas mulheres e homens responderam. Menos da metade dos homens e menos da metade das mulheres responderam que sim à pesquisa. É IMPOSSÍVEL que o total que responderam sim seja mais da metade. Ou então teve gente que respondeu q nao é homem nem mulher. Matemática passou LONGE ae.

  • Joáo Henrike
    2011-11-08T20:09:45

    em fiel aduteros vão keima no fogo do ??????????????

  • Francisco Medeiros
    2011-11-08T18:41:15

    NOSSA NATUREZA É TRAIR, FAZ PARTE DO SER HUMANO, MUDAR ISTO FOI APENAS UMA RECEITA DE BOLO, PELAS RELIGIOES, COSTUMES, ETC.

  • João Silva
    2011-11-08T17:58:17

    AÊ, GALERA! PROCÊS VEREM O TIPO DE BAGULHO QUE ANDAM PEGANDO NESSAS REDES SOCIAIS...VOCÊS TAMBÉM, HEIM...SEM CONDIÇÕES...SEM NOÇÕES...

  • Mack S
    2011-11-08T17:35:19

    Julio Almeida, sem dúvidas essas pesquisas muitas vezes são tendenciosas, alienantes e preparadas com a finalidade de formarem opiniões previamente "cozinhadas". Mas as percentagens estão corretas: 42% dos homens, representam 42% do geral (homens mais mulheres), uma vez que o conjunto de homens representa aproximadamente 50% do geral. Assim também a percentagem referente às mulheres, as 28% representam a mesma proporção no universo homens-mulheres. Portanto 70% é o correto! Abraço.

  • Guilherme Lima
    2011-11-08T13:21:24

    Eric, o Cezar tá certo. Digamos que a população fosse de 100 mulheres e 100 homens, portanto 200 pessoas. Nesse caso, 42 homens e 28 mulheres (70 pessoas, portanto) trairiam. 70 em 200, portanto 35%, trairiam.

  • Bruno Grossl
    2011-11-09T05:20:29

    O título mais correto seria... " Pesquisa revela que 70% dos internautas não trairiam."

  • Julio Almeida
    2011-11-08T14:31:02

    Digo, (42%+28%)/2 = (70%)/2 = 35%

  • José Ribeiro
    2011-11-08T14:27:36

    42% dos homens internautas (outros 58% não trairiam) e 28% das mulheres (sobra 72%) como que 30% apenas de TODOS não trairiam? acho que o pessoal tá deitando no cara mas nem parou pra pensar nisso.

  • Julio Almeida
    2011-11-08T14:23:15

    42% dos homens e 28% das mulheres é aproximadamente (48%+28%) / 2 das pessoas, ou aproximadamente 35%. Difícil povo?

  • Carlos Santos
    2011-11-08T14:09:20

    Será que o Cezar (com z") está começando um novo estudo matemático de probabilidades?

  • André Passos
    2011-11-08T13:29:24

    cezar, vc só não é mais burro por falta de espaço!!!!kkkkkkkkkk

  • Eric Briquet
    2011-11-08T12:53:47

    Cezar, você tem que voltar pra escola....

  • Cezar Rios
    2011-11-08T11:46:58

    42% dos homens e 28% das mulheres trairiam. Isso não quer dizer que 70% trairiam como diz a reportagem. Regra básica de probabilidade gente por favor vamos prestar mais atenção aí Globo! É a mesma coisa que dizer que 100% dos homens traem e 100% das mulheres traem e então 200% da população trai! hahahaha êeeee Globo!