Notebook

09/12/2011 11h15 - Atualizado em 09/12/2011 15h25

AMD pode entrar no mundo dos ultrabooks em janeiro

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

A AMD apenas observou ao longo dos últimos meses os esforços da Intel para trazer os ultrabooks ao mercado. Com a primeira geração dos notebooks já nas prateleiras e planos ambiciosos para 2012, há grande probabilidade de que os fabricantes possam optar por processadores da AMD em suas linhas. O primeiro ultrabook com chipset da AMD pode ser revelado já no mês de janeiro.

msiA AMD arriscou algo semelhante ao conceito de ultrabook com o MSI X-Slim 370. Os 'ultrabooks' com processador AMD se chamarão ultrafinos.

As informações foram divulgadas por Brian Slattery, da AMD Austrália, garantindo que em janeiro a aposta da AMD no modelo de notebook compacto, fino e com ótimo hardware já poderá ser encontrado no país para venda.

E, embora o período seja turbulento para AMD e seus lançamentos, a aposta nos ultrafinos (para diferenciar do nome ultrabook, sensivelmente ligado com a Intel), com a chegada das novas APUs, poderão levantar uma concorrência de respeito com a Intel. Especialmente pelo detalhe de que as APUs com chips gráficos integrados da AMD tendem a ter saltos de desempenho mais relevantes que as Intel HD Graphics.

Com o cancelamento do lançamento da plataforma Deccan, tudo leva a crer que os ultrafinos da AMD empregariam a plataforma Brazos 2.0 (que, por exemplo, carregam GPUs Radeon HD 7000M). O produto já é consolidado e teria problemas para encarar a linha Ivy Bridge da concorrência quando o assunto fosse performance. Contudo, se conseguir manter seu produto mais barato, a AMD pode morder uma fatia relevante do mercado de ultrabooks por conta da dificuldade dos fabricantes e da Intel em manter os preços abaixo de US$ 1 mil a unidade.

Segundo Brian Slattery, já há conversas adiantadas com alguns fabricantes para que a ideia seja amadurecida e frutifique nas prateleiras. Embora os nomes sejam mantidos em sigilo, vale lembrar que a AMD arriscou algo semelhante ao conceito de ultrabook com o MSI X-Slim 370 (foto), e protótipos de MacBooks Air com APUs da marca chegaram bem próximos de serem lançados no mercado – o projeto morreu unicamente pela incapacidade da AMD de suprir a demanda de processadores acelerados da Apple.

Via Softpedia

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares