Internet

16/12/2011 12h33 - Atualizado em 16/12/2011 12h33

Mais uma nova rede social, conheça Diaspora

Felippe Fogli
por
Para o TechTudo

O Diaspora se posiciona com uma premissa um pouco aventureira. Eles não querem simplesmente derrubar o Facebook, mas sim descentralizar o poder social que a rede de Zuckerberg possui atualmente.

diasporaNova rede social, Diaspora (Foto: Reprodução)

Hoje em dia as redes sociais e a Internet estão sendo bastante questionadas, sobre até que ponto há ou não a privacidade nesse ambiente. Baseado nessa questão, os quatro estudantes de ciência da computação, Dan Grippi, Maxwell Salzberg, Raphael Sofaer e Ilya Zhitomirskiy (falecido em Novembro deste ano), criaram o Diaspora.

Eles tinham um bom conceito, conhecimento sobre o assunto, mas faltava o investimento financeiro. Para isso, cadastraram a ideia no Kickstarter (site onde pessoas divulgam projetos para buscar investimento) e tiveram retorno de U$200,000 (em torno de R$372,000) para por a rede no ar.

O mais curioso foi o fato que Mark, CEO do Facebook, ao invés de se preocupar com a missão da nova rede, ele contribuiu doando uma quantia para os donos do projeto por considerar que eles tiveram uma boa ideia, como disse em entrevista ao site Wired.

Sobre o Diaspora Project, no site há diversas informações sobre o funcionamento da nova rede, e eles realmente levaram a sério a questão da descentralização. A missão é tão ambiciosa, que aparenta até o momento ser uma total integração para não haver monopólio social digital.

Apesar das formas de compartilhamento lembrarem bastante o Twitter e Facebook devido a utilização de hashtags, "reshare e mentions", o Diaspora propõe uma não exclusão de ninguém na web. Você poderá se conectar com usuários do Facebook, Twitter, Tumblr, e a promessa de novas redes em breve.

A rede já possui alguns aplicativos interessantes, como o cubbi.es, que serve para compartilhar fotos.

O site atualmente recebe cadastros de novos usuários para acessar a rede por diversos pods públicos, basta clicar em “sign up” e escolher um disponível. Ele também está aberto para que programadores enviem contribuições de códigos.

 

Será este o próximo passo para a socialização digital? Um ponto comum para todas as informações enviadas para onde quiser, para quem quiser, e com total privacidade.

Assista o vídeo dos fundadores explicando o projeto:

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Heitor Paiva
    2011-12-19T22:19:11

    Vocês não acham que isso já se tornou uma doença na web? Mais uma rede social? Diaspora, o novato da net! Colocar um nome desse é pedir para ir a falência!