10/02/2012 20h14 - Atualizado em 10/02/2012 20h14

Acer processa ex-presidente por se empregar na Lenovo

TechTudo
por
Por Priscila Martz Para o TechTudo

O ex-presidente executivo da Acer, Gianfranco Lanci, está sendo processado pela empresa após fechar contrato com a Lenovo, segunda maior fabricante de computadores pessoais. Segundo o que a empresa taiuanesa afirma, o italiano teria quebrado uma cláusula no contrato de sua saída, que especificava que ele não deveria praticar uma atividade concorrente durante 12 meses.

Gianfranco Lanci, ex-presidente da Acer.Gianfranco Lanci, ex-presidente da Acer.

O ex-CEO começou a trabalhar no final do ano de 2011 como consultor de plano de negócios da Lenovo, com o objetivo de expandir o mercado europeu. Ao tomar conhecimento da notícia no começo desta semana, a Acer imediatamente entrou com um processo cobrando indenização por quebra de contrato.

O executivo deixou a empresa taiuanesa em março de 2011 após se desentender com outros funcionários. Ele tinha estratégias para lançar a marca no mercado de tablets, o que era desaprovado por seus colegas e causou grandes prejuízos financeiros para a Acer.

A ação foi realizada na cidade de Milão, onde o executivo mora atualmente. A empresa alega que o acordo vai vencer apenas em março e não revelou o valor pedido.

Via Reuters

O TechTudo apoia o Brasil Sem Vírus, movimento que dissemina práticas de segurança e distribui antivírus gratuitamente. Estima-se que 80% dos brasileiros já estiveram com os computadores ameaçados por vírus e ataques de hackers. Você pode ajudar sua rede de amigos enviando uma vacina para eles. Seja voluntário!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares