Internet

24/02/2012 09h54 - Atualizado em 24/02/2012 09h54

Google Street View permite visitar cavernas e minas no Japão

Victor Vasques
por
Para o TechTudo

O Google Street View permite que os usuários visitem virtualmente as áreas internas de Akiyoshi-do, o maior sistema de cavernas do Japão e a mina Okubo-mabu. Já no Brasil, o Google iniciou em agosto de 2011 a captura de imagens da Floresta Amazônica.

O Google Street View permite que os usuários visitem virtualmente as áreas internas de Akiyoshi-do (Foto: Divulgação)O Google Street View permite que os usuários visitem virtualmente as áreas internas de Akiyoshi-do
(Foto: Divulgação)

Com apoio da ONG Fundação Amazonas Sustentável (FAS), as imagens da área brasileira foram captadas com a ajuda de barcos e triciclos. O objetivo foi mostrar um pouco da cultura e da beleza do local. Ao contrário das cavernas japonesas, as primeiras a serem publicadas, as imagens 360º da Floresta Amazônica ainda não estão disponíveis no Google Street View.

Os 360º de shoppings, parques e museus

Em outubro de 2011, a empresa iniciou um projeto piloto que permitirá aos usuários navegar por lojas, shoppings, hotéis e academias, usando o Google Street View. Inicialmente, a ferramenta será usada apenas para estabelecimentos em cidades dos Estados Unidos, Japão, Austrália, Reino Unido, França e Nova Zelândia.

Com base no projeto “Google Art Project”, que permitiu os usuários visitarem 17 museus ao redor do mundo, a empresa disponibilizou visitas virtuais a seis parques em cinco cidades: Liberty e High Line (Nova York), Casa de Campo (Madrid), Koganei (Tóquio), Kensington Gardens (Londres) e Knuthenbog Safari (Dinamarca).

Via Cnet

O TechTudo apoia o Brasil Sem Vírus, movimento que dissemina práticas de segurança e distribui antivírus gratuitamente. Estima-se que 80% dos brasileiros já estiveram com os computadores ameaçados por vírus e ataques de hackers. Você pode ajudar sua rede de amigos enviando uma vacina para eles. Seja voluntário!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares